Meus cuidados com as unhas: dicas e produtos para ter unhas fortes, longas e saudáveis

Oi, pessoal, tudo bem?

Já faz muito tempo que eu mesma pinto as minhas unhas em casa. Comecei aos 12 anos, hoje já tenho 36, e em toda a minha vida só fui à manicure duas vezes (tendo me arrependido em ambas).

As pessoas costumam me perguntar como eu cuido das minhas unhas há muito tempo e isso aumentou bastante depois dos vídeos sobre os livros de colorir, pois como as imagens geralmente estão em zoom nas minhas mãos, fica bem mais fácil ver as minhas unhas.

Por conta das perguntas constantes, finalmente resolvi fazer um vídeo com dicas de cuidados e produtos para as unhas, mostrando os meus preferidos.

O vídeo ficou longo, sim, e a razão é simples: não existe um único produto milagroso e sim um conjunto de cuidados que devem ser tomados e produtos que podem ajudar.

Antes de qualquer coisa, gostaria de salientar alguns detalhes:

1) Como eu mencionei acima, não existe um único produto milagroso. Para ter unhas fortes e saudáveis você precisa ter uma série de cuidados com as unhas.

2) Não adianta seguir as dicas, começar a usar os produtos e achar que suas unhas estarão fortes na semana seguinte e nunca mais vão quebrar. Não é assim que funciona. As unhas levam no mínimo um mês para começarem a se recuperar, portanto, paciência é fundamental. Depois desse período, provavelmente elas estarão mais fortes mas isso não quer dizer que serão inquebráveis.

Assim, vamos ao vídeo. Abaixo dele, estão listados todos os produtos mencionados no vídeo. Caso eu já tenha feito resenha do produto aqui no blog, haverá um link para o respectivo post.

Sobre meu problema com a dermatite perioral:
Rosácea x Dermatite Perioral: O que eu aprendi com um diagnóstico errado…

Suplementos e medicamentos (ATENÇÃO! Consuma apenas com orientação médica):

– Colágeno Hidrolisado + vitamina A (Stem), pesquise preços aqui.
– Colágeno Hidrolisado com minerais – Zinco, Selênio e Cromo (Stem), pesquise preços aqui.
– Pantogar (Biolab), pesquise preços aqui.
– Imecap Hair (Vidfarma), pesquise preços aqui.
– Pill Food (em farmácias de manipulação), pesquise preços aqui.

Removedor de Esmalte:

Removedor Instantâneo de Esmaltes Óleo de Orquídea (Risqué), resenha aqui.
Removedor de Esmalte Aviva (Jequiti).
Removedor de Esmalte Express (Elke).

Removedor de Cutículas:

Cutículas Express (Express), resenha aqui.
Bye Bye Cut (YNC), resenha aqui.
Velox (People & Connection), pesquise preços aqui.

Cureta:

– Cureta dupla (Mundial)

Esfoliante para as unhas:

– Nail Brite (First Kiss / Kiss NY Brasil), resenha aqui.

Cortador de Unhas:

Cortador de unhas com depósito (Sally Hansen).
Alicate cortador de unhas postiças (Fing’rs).

Lixas de Unhas:

Lixa de unha de metal, pesquise preços aqui.
Lixa de unha Revlon.
Lixa de unha Belliz, pesquise preços aqui.
Lixa de unha Prada.
Lixa de unha de cristal ou de vidro, resenha aqui.

Hidratação de unhas e cutículas:

Óleo Vegetal Girassol (Cativa Natureza), resenha aqui.
Cera Nutritiva Unhas e Cutículas (Granado), resenha aqui.
TratUnhas Óleo de Melaleuca (Mirra’s Cosméticos), resenha aqui.
Loção Nutritiva para Unhas e Amolecedora de Cutículas Aviva (Jequiti), resenha aqui.
Loção Hidratante Antiumidade (Alta Moda é – Alfaparf), pesquise preços aqui.
Ultrabalm (Lush Cosmetics), resenha aqui.

Revitalização das unhas:

Revitalizante Queratina e Cavalinha Casco de Cavalo (Maru).
Gel Estimulante do Crescimento (Alta Moda é – Alfaparf), resenha aqui.

Bases para as unhas:

– Base Cetim (Colorama).
– Base Casco de Cavalo (Ludurana).
– Base Niveladora (Impala).
– Nutri-Base Pró-Crescimento (Colorama), pesquise preços aqui.
– Base Cetim 3 Free (L’Apogée).
– Base Luxo (Impala).
– Base Efeito Antimanchas (Alta Moda é… – Alfaparf).
– Base Intensificadora das Cores (Alta Moda é… – Alfaparf), pesquise preços aqui.
– Base Toxi Free (Dote).
– Base Fortalecedora Hits Care (Hits Speciallità).
– Base Fortalecedora (Ésika).
– Base Niveladora Nail Experts (Avon).
– Base Casco de Cavalo (Maru).
– Base Nail Force (Dermage), compre no site da marca.

É isso, pessoal.

Espero que tenham gostado e que as dicas ajudem vocês a deixarem suas unhas mais fortes e mais longas por mais tempo. 😉

Beijocas e até o próximo post.

Fabi.

Maquiagem: 16) Pinceis: Sombras e Delineador

Olá, meninas, tudo bem?

Retomando o assunto dos pincéis de maquiagem… Gostaria de informar que, indo em direção oposto à maioria dos blogs femininos, eu prefiro dar ênfase aos pincéis nacionais, visto que acredito que a maior parte das mulheres “mortais” (eu, oi!) não tem dinheiro para gastar horrores com pincéis importados.

Apenas eventualmente menciono os importados quando apenas uma marca estrangeira tem um pincel específico num determinado formato. Como foi o caso dos pincéis da Sigma específicos para o contorno do rosto com blush, como mostrei aqui.

Vamos falar hoje dos pincéis para os olhos… e são tantos! De pálpebra, de côncavo, de esfumar, de delinear… Ufa…

Ia separar todos os tipos em posts diferentes, mas achei que isso iria confundir muito as meninas que estão iniciando. Então, resolvi separar os pincéis para os olhos por tipo e mostrar as marcas que eu tenho e os prós e contras de cada um.

Quando eu comecei a série de posts sobre os pinceis de maquiagem, a Belliz fabricava os seus pinceis e comercializava com o nome de Prada. Agora, eles comercializam os pinceis com a marca Belliz mesmo. Eu tenho as duas versões de alguns pinceis e vou mostrá-las, mas as que constam com o nome Prada vocês terão alguma dificuldade para encontrar, caso se interessem, isso se há algum lugar que ainda os tenham em estoque. 😦

Pincel chanfrado

Com cerdas curtinhas e mais ‘duras’, ele é ideal para traços bem marcados, seja para delinear os cílios superiores ou inferiores, com delineador gel, líquido, sombra em creme, sombra em pó, ou sombra em pó umedecida com água. Permite um controle do traço melhor para quem não consegue manter a firmeza na mão por muito tempo.

1. Pincel chanfrado Prada: Foi a minha primeira e única decepção em relação aos pinceis da Belliz vendidos com o nome Prada. Tem as cerdas muito duras (chegam a machucar a pele tão fininha das pálpebras), em algumas partes elas se ‘espalham’ e o pincel fica mais grosso, mais fino, mais grosso, mais fino… ou seja, precisão zero na hora de aplicar. Não gostei e não recomendo. Preço médio: R$ 5,00 (*).

2. Pincel chanfrado Belliz: Quando eu vi que a marca estava deixando de lado o nome Prada para comercializar com o nome Belliz, achei que algo podia ter mudado e, quem sabe, o pincel chanfrado poderia ser melhor. Que ingenuidade a minha. A única vantagem em relação ao que era comercializado com o nome Prada é que o Belliz é mais macio. Mas a ponta do pincel não tem definição nenhuma para traço, pois ele tem a ponta praticamente redonda, quando visto de cima. Uso para uma marcação mais intensa de côncavo, ou para esfumar a sombra no cantinho externo dos olhos, mas para um kit básico é dispensável. Preço médio: R$ 4,00 (*).

3. Pincel chanfrado O Boticário: Agora estamos falando de um pincel chanfrado de verdade. Macio e firme ao mesmo tempo, na medida certa. Pontinhas super alinhadas, para um traço preciso. Na minha opinião, simplesmente perfeito. Preço: R$ 12,99 (*).

4. Pincel chanfrado Natura: Assim como o pincel d’O Boticário, garante um traçado preciso e bonito. As cerdas são um pouco mais macias. Assim, eu acho que, para quem está bem no início nesse ‘negócio’ de maquiagem, o d’O Boticário é melhor, porque dá mais firmeza. O da Natura faz parte do kit de pinceis Natura Una com mais dois pinceis e tem a ponta dupla: de um lado é pincel chanfrado, do outro lado é escovinha para cílios (igual a escovinha das embalagens de rímel). Preço: R$ 39,80 (*), o kit com os três pinceis.

Qual é o melhor? Natura ou O Boticário. Vai do bolso e preferência de cada uma, lembrando que o da Natura você tem te comprar o kit com mais outros pinceis. O Boticário vende seus pinceis separadamente.

Pincel delineador

Feito para aplicar delineador em gel, líquido, ou até mesmo sombra umedecida como delineador. Tem as cerdas longas e fininhas e requer uma certa habilidade com as mãos. Quanto mais paralelo à pele o pincel estiver, mais grosso sairá o traço. Se você não tem prática ou, mesmo tendo, não consegue firmar bem as mãos, esqueça e prefira o pincel chanfrado para delinear.

1. Pincel Delineador de sombra e boca O Boticário: Comercializado como pincel para delinear sombra e boca, tem as cerdas firmes, mas, na minha opinião, muito longas para delinear mesmo. Além disso, o traço não é preciso, pois as cerdas se ‘abrem’ e o pincel fica arredondado. Gosto dele para esfumar um delineado, mas não para o delinear em si. Preço: R$ 13,99 (*).

2. Pincel Delineador Belliz: É fininho, e as cerdas são bem macias. Gosto dele, mas não aconselho para quem não tem muita experiência, pois as cerdas também se ‘abrem’ e ele fica mais arredondado do que deveria, logo a ponta é mais grossa. Preço médio: R$ 4,50 (*).

3. Pincel Delineador Vivo Maquiada: Esse é o meu pincel delineador xodó. Ele é vendido na loja Vivo Maquiada (por isso coloquei o nome ali, mas não é marca, certo?). É bem fininho, as cerdas são firmes na medida exata, e ele tem esse ângulo maravilhoso que faz com que você o tenha sempre na posição perfeita para delinear com segurança e precisão. Gosto muitíssimo dele e acho que é o pincel ideal para delinear, não importa se você está começando ou se já tem experiência. Nem pude colocar a foto da pontinha dele, pois é tão fininha que a minha câmera não consegue focar. Mas acredito que nesse ângulo dê pra perceber como a ponta é fina e delicada. R$ 12,99 (*).

Qual é o melhor? Pincel delineador na Vivo Maquiada.

Pincel de esponja

É o famoso pincel que geralmente vem nos duos, quartetos e outros estojinhos de sombra. São ótimos para aplicação de sombras em pó quando você quer uma cor bem vibrante, um preto bem preto, um branco bem opaco, cores bem demarcadas, pois esse pincel deposita mais quantidade de produto na pálpebra. Cuidado pois eles tendem a estragar com mais facilidade do que os pincéis de cerdas, independentemente da marca. Sempre que lavar, observe a consistência da esponjinha. Se perceber que modificou (ela ficará mais mole e com o tempo passará a ‘esfarelar’), descarte e compre outro.

 A maior parte das marcas faz versões compactas e totalmente descartáveis desses pincéis.

1. Pincel de Sombra Conjunto de Aplicadores Belliz: Conjuntinho com dois aplicadores duplos. Nada de especial e depoois de algumas lavagens requer troca. Preço médio: R$ 5,00 (*), o conjunto.

2. Pincel Sombra com Esponja O Boticário: Faz conjunto com os outros pinceis da marca, mas são vendidos separadamente. A qualidade da esponjinha é muito melhor que a qualidade da esponja de ‘descartáveis’ como o da Belliz, pois é de látex, mas tenha em mente que pinceis de esponjinha não tem a duração de pinceis de cerdas. O d’O Boticário faz conjunto com o seu kit, logo tem o cabo longo, preto, no mesmo formato dos outros… o que o torna mais caro. Compre consciente de que ele, mais cedo do que os outros pinceis, vai para o lixo depois de algum uso. Eu tenho dois, mais para ter o kit completo dos pinceis mesmo, porque acho o conjunto lindo. Para uso diário, uso as descartáveis. Preço: R$ 11,99 (*).

3. Pincel Esponja Natura: Faz parte do trio de pinceis mencionado anteriormente. Uma ponta dele tem esponjinha, a outra tem pincel para pálpebra. A esponja é melhor que a da Belliz, mas menos durável que a d’O Boticário. Vale a pena se você tiver interesse nos outros pinceis do trio. Preço: R$ 39,80 (*), o kit com os três pinceis.

Não fiz foto de detalhe das esponjas pois achei desnecessário. O formato é muito similar e no caso desse pincel o tamanho da ponta não interfere tanto no desempenho do pincel.

Qual é o melhor? Se você usar maquiagem apenas para ocasiões especiais ou aos fins de semana ou for só para uso pessoal, O Boticário. Se você usar maquiagem sempre, todos os dias, quiser trabalhar com isso ou usar suas coisas para maquiar amigas, familiares e conhecidas, dê preferência para as descartáveis como a da Belliz.

Pincel de pálpebra, de côncavo e de esfumar

Os pinceis de pálpebra servem para aplicar sombra na pálpebra móvel. Costumam ter as cerdas mais curtas e mais firmes. Os de esfumar costumam ser mais volumosos, arredondados e com cerdas mais macias. Já os de côncavo costumam ter o corte diagonal e com cerdas bem fofinhas… A maior parte das fabricantes nacionais não fazem diferenciação entre esses pinceis, por isso achei melhor deixar os três tipos em um único tópico e, para cada fabricante, vou dizer para qual finalidade ele é melhor.

1. Pincel de sombra Avon: Tem as cerdas com comprimento médio e bem macias, o corte é arredondado. É indicado para depositar a sombra na pálpebra, mas na minha opinião ele faz um trabalho melhor como pincel de esfumar do que pincel de pálpebra. Com algum cuidado e paciência, dando leves toques na pálpebra, e com um bom primer de sombra, ele faz melhor o papel de pincel de pálpebra. Preço: R$ 14,00 (*).

2. Pincel de sombra Natura: De novo, ele faz parte também do kit com três pinceis. Está na ponta oposta ao pincel de esponjinha. Tem as cerdas mais curtas e mais firmes do que o pincel da Avon, mas continua sendo macio. É ótimo para aplicar sombra da pálpebra e também dá para usar para esfumar. Com alguma prática, também marca o côncavo. Preço: R$ 39,80 (*), o kit com os três pinceis.

3. Pincel de sombra Belliz: Poucas cerdas, longas, macias demais e que se ‘abrem’ nas pontas, tirando qualquer definição do pincel. Não gostei. Não indicaria para nenhum dos usos. Pode ajudar num momento de desespero em que você olha para os seus pinceis e vê que todos eles estão sujos e você precisa de um último retoque de não sei o que. Mas olha… para montar seu kit é totalmente dispensável. Preço médio: R$ 4,00 (*).

4. Pincel de sombra Côncavo Belliz: Tem as cerdas longas e firmes, sem deixarem de ser macias. Tem o corte em diagonal, e é indicado para colorir o côncavo. Também é útil para depositar as cores sobre as pálpebras, já que é mais firme. Gosto muito dele. Preço médio: R$ 5,50 (*).

5. Pincel de esfumar sombra O Boticário: Tem as longas e firmes, também macias. O corte é arredondado, mas a sua base é mais ‘chata’ do que arredondada. Por isso, embora eles vendam como pincel para esfumar, eu acho que o melhor uso para ele, para quem está começando, é como pincel de pálpebra. Preço: R$ 12,99 (*).

6. Pincel de sombra côncavo O Boticário: Cerdas longas e firmes, macias, e corte diagonal. A base não é tão ‘chata’ como o pincel de esfumar, o que o faz mesmo perfeito para o côncavo, e também para esfumar. Preço: R$ 12,99 (*).

Qual é o melhor? Aqui é complicado… excluindo o da Belliz (o número 3 da listagem), eu gosto de todos eles. Se eu tivesse que condensar ao máximo, eu ficaria com os dois d’O Boticário, o de esfumar (mas para usar na pálpebra) e o de côncavo (para o côncavo e para esfumar).

E é isso. 🙂 Se tiverem dúvidas, podem usar os comentários para deixar perguntas. Para comentar, é só clicar em “Deixe um comentário” lá no comecinho do post, à esquerda do título, logo abaixo da data.

_______________

(*) Preços pesquisados na data desse post. Podem sofrer alterações.

Maquiagem: 15) Pincéis – Blush e Contorno

Olá, meninas, tudo bem?

Finalmente vamos continuar com os nossos posts sobre os tipo de pincéis de maquiagem e suas formas de uso.

Os pincéis de blush podem ser utilizados para colorir e contornar o rosto.

Em sua maioria, são muito parecidos com os pincéis de pó: tem o mesmo formato, mas são menores. Porém, há também mais dois tipos de pincéis de blush, que são mais indicados para contornar o rosto. Um deles, infelizmente, não encontrei em nenhuma marca nacional até o momento. Falarei dele apenas a título de curiosidade, visto que o importado é caro e difícil de encontrar por aqui.

Vamos lá…

Prada

Pincel de Blush Prada: R$ 7,50 (*). Tem o cabo longo, o que facilita o manuseio. As cerdas são naturais, feitas com pêlo de cabra, garantindo maciez e acabamento perfeito.

Pincel de Base/Sombra Côncavo Grande: R$ 9,00 (*). Já falamos desse pincel, aqui. Mas, não custa repetir, principalmente porque agora estou indicando para outro uso. Esse pincel, segundo a Prada, é para sombra cremosa. Mas na minha opinião ele é enorme para sombra, é maior do que os olhos e acho difícil aplicar sombra com esse pincel. Como eu disse lá no outro post, eu achei ele espetacular para aplicar base. A cobertura e acabamento são perfeitos, e esse formato meio ‘diagonal’ das fibras facilita muito a aplicação da base em volta dos olhos, e no contorno do nariz. Esse formato também ajuda para aplicar blush para contornar o rosto. Não é 100% ideal, porque ele não é um pincel muito fofo, arredondado. É mais ‘chato’ no início das cerdas. Mas, com um pouco de prática, ele se mostrou um bom aliado também para o contorno.

Avon

Pincel para Blush Avon: R$ 19,00 (*).  Também tem o cabo longo e anatômico, facilitando o manuseio. Como todas as outras linhas de pincéis, o pincel de blush tem menos cerdas que o pincel para pó, para permitir que você aplique o blush apenas nas áreas desejadas, criando diferentes efeitos. A Avon aconselha o mesmo pincel para o contorno do rosto. Com prática, é possível. Se você é iniciante, vai sentir dificuldade em usar esse pincel para contorno, pois ele é bem fofinho e você corre o risco de espalhar muito produto em todo o rosto, ao invés de demarcar onde quer contornar. Uma dica é segurar o pincel pelas próprias cerdas, logo acima do começo do cabo, de forma a ‘juntar’ mais as pontas, diminuindo o diâmetro das cerdas.

O Boticário

Pincel Blush O Boticário: R$ 29,90 (*). Usado para aplicação de blush, para sombrear, destacar e iluminar o rosto. Indicado para aplicação nas bochechas, também pode ser usado para harmonizar o formato do rosto, aplicando tons escuros onde se deseja esconder e disfarçar, e tons claros para aumentar e realçar pontos fortes do rosto, ou seja, serve para aplicar o blush e também para contornar o rosto. As cerdas são suaves e possuem uma forma cheia e arredondada. Para as iniciantes, vale a mesma dica que dei para contornar com o pincel da Avon. Segure no começo do cabo, junto às cerdas, pegando uma parte delas. Assim, você vai ‘diminuir’ o diâmetro do pincel, pois as cerdas vão ficar mais juntinhas, e você conseguirá mais definição na aplicação do blush para contornar.

Natura

Natura Una Pincel para Blush: R$ 39,80 (*). Com mais cerdas, alta maciez e formato chanfrado, garante maior transferência dos produtos para a pele e potencializa o resultado final da maquiagem. Esse formato de pincel é o mais (gente… fugiu a palavra, socorro! risos)… ele é o mais ‘multi-uso’, pronto. O que eu quero dizer é que você vai conseguir, só com ele, aplicar blush para colorir as maçãs do rosto e também contornar com mais facilidade do que os outros. É super macio, e apesar do preço mais alto em relação aos outros, acho que vale cada centavo do investimento. É o meu preferido e estou pensando seriamente em ter mais um igual, assim posso reservar um para o blush e outro para contorno (ajuda, já que as cores de contorno são mais escuras e influenciam no cor do blush, e lavar o pincel e usar em seguida é impossível, principalmente nesse frio, quando os pincéis demoram mais para secar).

‘E o tal pincel importado?’ vocês vão me perguntar. Vamos a ele.

Sigma

Marca ‘queridinha’ de várias meninas que fazem tutoriais de maquiagem no You Tube, a Sigma Beauty é uma marca importada, com preços interessantes para quem mora no exterior, mas que chegam aqui a preços salgados (quando chegam). Dá para encontrar alguns vendedores no Mercado Livre, com sorte, mas custará caro. Se tiver cartão internacional, ou PayPal, você pode comprar diretamente com eles (mas ainda tem de pagar o frete e esperar de 30 a 45 dias, às vezes mais). Caso se interesse, acesse o site da Sigma, clicando aqui. O site está em inglês, certo?

A Sigma fabrica dois pincéis específicos para contorno do rosto, cujo formato nenhuma empresa brasileira até agora se arriscou a fazer.

Tapered Face – F25: $ 19,00. Pincel de base arredondada e topo pontudo, o que facilita a aplicação de blush para contornar o rosto. A ponta ‘pega’ o produto e, conforme você passa o pincel no rosto, as outras cerdas esfumam a cor.

Tapered Highlighter – F35: $ 16,00. Ele tem o mesmo formato do F25, porém é menor. A Sigma indica para aplicação de pó iluminador, que faz parte do contorno do rosto, mas ele também pode ser utilizado para blush.

Além desses, também há o pincel comum de cerdas arredondadas, para aplicação de blush. Não vou falar dele aqui porque ele tem exatamente o mesmo formato dos pincéis para blush nacionais e, como eu disse no início dessa série de posts sobre os pincéis de maquiagem, eu pretendo me atar apenas aos nacionais, mais acessíveis a todas, principalmente para quem está começando.

Já vi algumas meninas usando esses pincéis, parece realmente facilitar o trabalho de contorno do rosto, e até tenho curiosidade em adquirir um desses. Porém, o número de vezes em que eu realmente faço o contorno do rosto é tão pequena que não acho que justifique o gasto com o pincel. Vejam bem, essa é a minha opinião apenas, porque eu faço o contorno do rosto muito raramente e, quando quero fazer, o pincel para blush da Natura cumpre bem o seu papel. Mas, para quem quiser investir em um kit de pincéis super completo e tiver condições de adquirir um desses, estou divulgando para que vocês tenham conhecimento da existência deles.

O meu preferido: Natura Una Pincel para Blush, da Natura.

É isso, meninas. Quaisquer dúvidas, vocês sabem, é só perguntar nos comentários, certo? 🙂

O próximo post da série deverá ser sobre pincéis para os olhos (sombras e delineador). Aguardem.

_______________

(*) Preços pesquisados na data desse post. Podem sofrer alterações.

Maquiagem: 14) Pincéis – Pós Faciais

Olá, meninas, tudo bem?

Hoje vamos continuar a falar sobre os pincéis de maquiagem, desta vez sobre os pincéis para os pós (faciais e compactos). Eu ia fazer este post falando dos pincéis para pós e para blush, mas achei que ficou muito extenso, e por isso estou separando. Assim, o próximo post será sobre os pincéis para blush, certo? 🙂

Se levarmos em consideração os pincéis mais ‘básicos’, a única diferença entre o pincel para pó e o pincel para blush é o tamanho (o pincel para pó é maior). Ultimamente, porém, a gama dos pincéis tem aumentado e existem mais de um tipo de pincel para cada um desses produtos.

Basicamente, os pincéis arredondados são mais indicados para a aplicação do pó facial solto, e os pincéis flat-top são mais indicados para a aplicação do pó compacto. Mas isso não é regra e você pode tentar usar das duas formas, e conferir qual dá o melhor resultado na sua maquiagem.

Prada

Pincel Base e Pó Compacto Prada: R$ 11,90 (*). Aconselhado para aplicação de base e de pó compacto. Ele é super macio e é do tipo ‘flat-top’ (a parte que vai no rosto é reta, não arredondada), o que o torna ótimo para dar um ‘polimento’ na base enquanto você aplica o pó. Como ele tem a parte superior reta, tem um formato mais prático para aplicação do pó compacto, mas também pode ser usado para aplicar o pó facial solto. O diâmetro dele não é muito grande. De forma que, na minha opinião, ele seria mais indicado para aplicação de base do que de pó.

Pincel Pó Facial Prada: R$ 9,90 (*). É feito de cerdas naturais e, assim como os outros pincéis da marca, é bastante macio e não solta pelos durante o uso. Você também pode usar esse pincel para retirar o excesso de produtos quando terminar a maquiagem, caso não tenha o pincel leque, específico para esse fim (falaremos sobre ele mais tarde).

Avon

Pincel para Pó Avon: R$ 32,00 (*). Esse pincel é macio como os outros da Avon. O cabo é longo e anatômico, tem muitas cerdas e elas são bem longas, o que ajuda a distribuir melhor o pó no rosto. A Avon só tem esse tipo de pincel para pó, ao menos por enquanto. Então, você pode usá-lo para passar o pó facial solto ou o pó compacto. Se utilizar esse tipo de pincel arredondado para o o pó compacto, lembre-se sempre de retirar o excesso de produto do pincel antes de aplicá-lo no rosto. Como o pó compacto é mais denso que o pó facial solto, e o pincel arredondado pega bastante produto em suas cerdas, você acabará criando uma camada muito grossa de pó compacto, o que deixará a aparência pesada.

O Boticário

O Boticário tem dois tipos de pincel para pó. O primeiro é o arredondado, e o segundo é o duo-fiber, flat-top, que também serve para aplicação de base e que já vimos no post sobre os pincéis de base.

Pincel Pó Facial O Boticário: R$ 35,90. Cerdas suaves e arredondadas, super macias. Esse pincel é muito gostoso para aplicar pó facial solto ou compacto.

Pincel Base e Pó O Boticário: R$ 34,90 (*), para o Estado de São Paulo. Como já falamos no post sobre pincéis para  base, é duo-fiber, tem a escova espessa e circular, tipo flat-top, e é ideal para uma aplicação mais descontraída e leve de bases, pós faciais e compactos e iluminadores. Cria uma textura suave e dá cor ao rosto com efeito natural.

Natura

A Natura tem apenas um pincel para aplicação de pó, com o formato arredondado.

Pincel para Pó Natura Una: R$ 45,00 (*), para o Estado de São Paulo. O pincel é super macio, tem bastante cerdas, o que garante uma aplicação uniforme e suave, deixando a pele aveludada e evitando excessos. Embora seja um pincel muito gostoso de usar, eu acho que o preço é um tanto quanto salgado, assim como outros produtos da Natura. Mais uma vez, acho que é mais uma questão de apreço à marca. Se você gostar muito dos produtos Natura, invista em um pincel deste, com certeza você irá adorar. Agora, se você não tem preferência por marca, não vejo necessidade de investir neste pincel especificamente.

Os meus preferidos: Pincel Pó Facial e Pincel Base/Pó Duo Fiber, ambos d’O Boticário.

_______________

(*) Preços pesquisados na data desse post. Podem sofrer alterações.

Maquiagem: 13) Pincéis – Base e Corretivo

Olá, meninas, tudo  bem?

Continuando os posts sobre noções básicas de maquiagem, vou falar dos pincéis específicos para cada uso, começando com os pincéis de base e corretivo (depois pós e blushes; sombras; e batons – se eu estiver esquecendo de algo, me avisem, por favor :)).

São muitos os pincéis de maquiagem e os fabricantes não param de ‘inventar’ novos pincéis com novos usos e novas formas de usar, por isso, tentarei fazer o mais detalhado possível, mas pode ser que, daqui algum tempo, este post fique um pouco desatualizado, certo?

Primeiramente, podemos falar dos tipos de fibras:

  • Naturais: são feitas de pelo de animais, na maior parte das vezes de cabra, mas também podem ser feitos de pelo de lontra, texugo, esquilo ou pôneis. Quanto mais macio o pelo de que são feitos, mais caro o pincel. Os mais duros são os feitos a partir das crinas de pôneis, os mais macios são feitos de pelo de lontra.  São os preferidos de muitas meninas, por serem ‘mais macios’. Custam mais caro do que os sintéticos e eu, honestamente, acho que hoje em dia os sintéticos estão tão macios quanto os naturais e eu não acho tão necessário um pincel feito de pelo de animal. São mais densos e, portanto, mais difíceis de limpar e secar. Algumas pessoas mais sensíveis podem apresentar alergia a esses pincéis, dependendo de qual pelo de animal foi utilizado em sua confecção;
  • Sintéticos: são fabricados industrialmente, à base de fibras sintéticas como o nylon ou taklon (são as mais macias, pois são elaboradas de forma que a textura seja a mais próxima possível de uma fibra natural). Esses pincéis tem as cerdas lisas, e não absorvem os produtos. Há muitas marcas (nacionais e importadas) com pincéis sintéticos tão ou até mais macios que os de fibra natural;
  • Duo-fiber: são confeccionados com dois tipos de fibras diferentes. A maior parte deles tem um tipo de fibra natural e outro tipo de fibra sintética, mas isso não é regra. Existem duo-fibers com dois tipos de fibra sintéticas, cada um com uma maciez diferente, o que dá o mesmo resultado. Trazem um acabamento mais perfeito e dão um efeito mais natural. Normalmente são mais caros que os pincéis comuns e, ao contrário do que muitas meninas pensam, os duo-fiber não servem apenas para o rosto. Algumas fabricantes já estão fazendo duo-fiber para os olhos. Tomem cuidado com os pincéis cujas fibras são ‘tingidas’ de forma que deem a impressão de um pincel duo-fiber (que geralmente tem duas ou mais cores nas fibras dos pincéis). Nem todo pincel cuja fibra tem mais de uma cor é um duo-fiber. Veremos exemplos mais para frente.

Agora vamos falar dos tipos de pincéis propriamente ditos.

Eu não vou falar dos pincéis importados porque não tenho nenhum. Acho totalmente desnecessário gastar uma fortuna em pincéis da Mac, por exemplo, visto que temos pincéis nacionais tão bons quanto. De qualquer forma, se você fizer questão de produtos importados, a maior parte das usuárias de maquiagem que eu conheço dizem que os melhores pincéis de maquiagem importados são os da Mac, Coastal Scents e Sigma. Você pode encontrar os pincéis da Mac diretamente nas lojas, e também com algumas blogueiras que importam e revendem (assim como os da Coastal Scents e Sigma).

Vamos falar dos mais acessíveis: Prada, Natura, Avon e Boticário. A maior parte desses pincéis são de fibra sintética, quando forem de fibras naturais, mencionarem na descrição.

Prada

Se você está realmente começando, ou até se já tem experiência, sabe se maquiar, mas não quer gastar ‘rios de dinheiro’ em pincéis, eu aconselho os pincéis da Prada. Você vai conseguir montar um kit bem completo, gastando relativamente pouco. E pode comprar primeiro os pincéis que vai utilizar mais e depois ir ampliando o seu arsenal.

Já vi muitas reclamações sobre os pincéis dele, inclusive algumas meninas dizendo que eles tem um cheiro ruim. Eu sinceramente não consigo perceber onde está esse cheiro. (Ao contrário dos pincéis Pupa, cuja madeira do cabo tem um cheiro tão forte que eles passam para a fibra e, mesmo depois de muita lavagem, simplesmente se recusa a deixar o pincel). As fibras são super macias, não soltam, dão um acabamento muito bom, e o único ‘problema’ deles é que, depois de algumas lavagens, tendem a descolar a parte cinza (que junta as fibras) do cabo. O que você resolve fácil com uma cola para bijouteria ou Super Bonder, e pronto. Eu também achei legal que os pincéis vem com uma ‘capinha’ de plástico resistente e molinho, que encaixa perfeitamente nos pincéis e, além de proteger as fibras, impede que os pincéis usados sujem o estojo ou outros pincéis.

Tenho vários deles, comprei a maior parte na Laffayette (se você for de São Paulo também encontra nas lojas especializadas no bairro da Liberdade), e simplesmente adoro.

Os pincéis da Prada não são duo-fiber, embora pareçam. As fibras são apenas tingidas com mais de uma cor.

Se quiser conhecer todos os pincéis deles, acesse o site da empresa responsável, a Belliz.

Pincel Base e Pó Compacto Prada: R$ 9,00 (*). Aconselhado para aplicação de base e de pó compacto. Ele é super macio e é do tipo ‘flat-top’ (a parte que vai no rosto é reta, não arredondada), o que o torna ótimo para dar um ‘polimento’ que a base já estiver seca na pele. Esse formato também é ótimo para uma cobertura mais natural, ideal para o dia-a-dia.

Pincel Base e Corretivo Prada: R$ 11,90 (*). Aconselhado para aplicação de base e de corretivo. Igualmente macio. O formato arredondado facilita a aplicação do corretivo principalmente na região das olheiras. Esse pincel para base garante uma aplicação mais densa da base, com melhor cobertura, mais indicada para dias de festa ou para uma pele que precisa de uma correção maior.

Pincel Sombra/Base Côncavo Grande Prada: R$ 9,00 (*). Esse pincel, segundo a Prada, é para sombra cremosa. Mas na minha opinião ele é enorme para sombra, é maior do que os olhos e acho difícil aplicar sombra com esse pincel. Porém, eu achei ele espetacular para aplicar base. A cobertura e acabamento são perfeitos, e esse formato meio ‘diagonal’ das fibras facilita muito a aplicação da base em volta dos olhos, e no contorno do nariz.

Avon

A Avon recentemente resolveu se engajar na venda de pincéis para maquiagem. Por enquanto, não são muitas as opções e eles tem apenas um tipo de pincel para base, que também serve para aplicação de corretivo.

Pincel para Base Avon: R$ 19,00 (*). Confeccionado com cerdas naturais, macias e anatômicas, espalha a base de maneira uniforme. Também dá pra usar para aplicar corretivo, pois também tem o formato arredondado que facilita a aplicação na região das olheiras. Conforme dito anteriormente neste post, os pincéis de cerdas naturais são mais difíceis de limpar. No caso deste pincel da Avon não é diferente, mas não é nenhum bicho de sete cabeças. Eu uso esse pincel também para espalhar o Magix da Avon (que é um produto do tipo primer, ou seja, serve para fixar melhor a maquiagem no rosto, além de reduzir poros e pequenas linhas de expressão). O resultado fica ótimo.

O Boticário

O Boticário tem uma linha de pincéis de maquiagem muito bonita, embora o preço relativamente alto atrapalhe um pouco quem queira montar um kit completo. Nada exorbitante, mas para a maior parte dos ‘pobres mortais’, comprar todos de uma vez pode pesar um pouquinho no bolso.

Para a aplicação de base há dois pincéis, ambos super macios, especialmente o para base e pó, que é do tipo duo-fiber.

Pincel Base O Boticário: R$ 36,90 (*), para o Estado de São Paulo. Cerdas grandes e retas. Possibilitam uma ótima retenção do produto e excelente espalhamento, proporcionando uma aplicação uniforme com um acabamento aveludado à pele. Não é duo-fiber, as fibras são apenas tingidas de duas cores diferentes. Esse tipo de pincel é o que dá uma cobertura mais pesada à pele. O corte reto, quadrado, das fibras não colabora muito para aplicação de corretivo, a não ser que você tenha bastante prática na aplicação.

Pincel Base e Pó O Boticário: R$ 34,90 (*), para o Estado de São Paulo. Para aplicar base e pó. É duo-fiber, tem a escova espessa e circular, tipo flat-top, e é ideal para uma aplicação mais descontraída e leve de bases, pós faciais e compactos e iluminadores. Cria uma textura suave e dá cor ao rosto com efeito natural.

Natura

A Natura, assim como a Avon, também tem uma pequena linha de pincéis para maquiagem. Infelizmente, também só tem um tipo de pincel para base, e o preço é ainda mais alto que os valores dos pincéis d’O Boticário.

Pincel para Base Líquida Natura: R$ 39,80 (*), para o Estado de São Paulo. Não é duo-fiber, as cerdas são super macias, e o pincel é muito bonito. Como tem o formato arredondado, é ótimo também para aplicação de corretivo. Algumas meninas consideram esse pincel superior ao da Avon e ao d’O Boticário. Eu sinceramente não vejo essa diferença. Acho que os pincéis das outras marcas estão tão bons quanto os pincéis da Natura. Creio que seja uma questão apenas mesmo de gosto, e de costume, e de apreço à marca.

Meus preferidos: Pincel Sombra/Base Côncavo Grande, da Prada, e Pincel Base/Pó Duo Fiber, O Boticário, para bases. Para corretivo, o Pincel para Base da Avon.

No próximo post, falaremos sobre os pincéis específicos para pós faciais, compactos e blushes.

Quaisquer dúvidas, perguntem nos comentários.

Beijinhos a todas.

_______________

(*) Preços pesquisados na data desse post. Podem sofrer alterações.

Maquiagem: 12) Acessórios

Para (quase) finalizar os posts com as noções básicas sobre maquiagem, vou falar um pouquinho dos acessórios que usamos para fazer uma maquiagem impecável.

Os pincéis fazem parte desse ‘arsenal’, mas como existem muitos, com diversas finalidades, eu preferi separá-los para fazer um post mais completo, apenas sobre pincéis, na semana que vem. Será um post (ou uma sequência de posts, ainda não decidi) um pouco extenso, e tentarei explicar sobre os tipos de pincéis com mais detalhes e com várias fotos de pincéis de diferentes marcas e preços.

Por enquanto, vamos falar dos outros acessórios.

Apontador

Imprescindível para manter seus lápis (principalmente os para o contorno dos lábios e dos olhos) sempre com a ponta regular.

O curinga é do tipo “dois em um”: serve para lápis de boca e de olho. Pena que muitas marcas saem do padrão e exigem apontador próprio para seus produtos.

Se for possível, sempre teste antes de comprar.

Para os lápis com espessura comum, não é necessário ser um apontador específico de maquiagem. Qualquer apontador de lápis comum serve. Para testar, você pode inclusive usar um lápis comum também, para não gastar o seu lápis de maquiagem. Escolha aquele que seja o mais macio possível, ao girar o lápis. Aqueles apontadores que ‘engasgam’ quando você gira o lápis dentro deles não servem.

Hastes Flexíveis e Algodão

Tanto as hastes flexíveis (mais conhecidas como ‘Cotonete’, devido à marca mais vendida), quanto as bolinhas ou discos de algodão podem ser usados para esfumar o blush e a sombra, fazer pequenas correções e também remover a maquiagem no final do dia.

Também servem pra remover o delineador quando ele não foi aplicado da maneira certa, corrigir o contorno dos lábios, retirar o excesso de rímel, aquele batom que foi além do contorno, o excesso de pó nos sulcos do nariz, e consertar outros errinhos cometidos durante a maquiagem.

A Prada tem uma caixinha de hastes flexíveis especiais para maquiagem (veja na foto ao lado). De um lado eles tem uma ponta bem fininha, do outro lado são ‘achatadinhos’, como se fosse um pincel de sombra daqueles com esponjinha. É meio difícil de encontrar esses cotonetes aqui em São Paulo, mesmo online. Se não estiver enganada, vi na Sumirê quando passei por lá, mas não tenho certeza. Acabei encontrando online na Laffayette (de Curitiba) essa semana, e até comprei uma caixinha pra mim. Paguei R$ 7,90. A embalagem vem com 80 unidades, mudou um pouquinho e agora as hastes são branquinhas, ao invés do rosa da foto.

Esponjas

Redondas ou triangulares, de espuma ou de látex, elas são necessárias para aplicar a base, pancake ou pó.

Reserve uma para base ou pancake e outra exclusivamente para o pó.

Pinças

Um artefato que vale a pena passar por teste, antes de parar distraidamente na sua sobrancelha e destruir o traçado. Da próxima vez que alguém for viajar para outro hemisférios, encomende uma ótima pinça. Você vai ver que estava usando um quebra-galhos.

Eu, particularmente, recomendo a pinça da Mac. Não sou fanática por marcas estrangeiras e prefiro sempre comprar produtos nacionais, até porque são mais em conta. Mas a pinça da Mac é uma coisa enlouquecedora. Tem a ponta em diagonal, arranca até o pelinho mais curto e difícil de sair, não fere a pele, e dura muito tempo com a mesma ‘pegada’, se você cuidar direitinho. Atenção para não deixá-la cair no chão. Se a ponta bater em um piso duro (que não seja carpete, ou um tapete, por exemplo), vai amassar e não vai mais funcionar da mesma forma. Único inconveniente é o preço, salgado. Última vez que eu comprei, em Dezembro de 2010, paguei R$ 152,00 (diretamente na loja aqui em São Paulo. Se você tiver algum contato que possa enviar ou trazer para você do exterior, o preço é bem mais em conta).

Curvex

Uma engenhoca utilizada para deixar os cílios mais curvados.

Assim como a história da ordem da base e do corretivo (o que aplicar primeiro e o que aplicar depois), há controvérsias sobre usar o curvex antes ou depois da aplicação do rímel. Hoje em dia, a maior parte dos maquiadores dizem que ele deve ser usado antes do rímel, pois se for utilizado depois pode ‘guilhotinar’ os fios.

Duda Molinos, no entanto, um dos melhores (se não O melhor, na minha opinião) maquiadores do mundo, diz em seu livro que ele deve ser usado depois da aplicação do rímel.

Eu já utilizei das duas formas, meus cílios nunca foram ‘guilhotinados’ por causa disso, mas eu ainda prefiro usar o curvex antes do rímel. Depois dele, a impressão que dá é que a borrachinha do aparelho ‘gruda’ todos os cílios onde ela encostar e a aparência fica meio estranha.

Portanto, escolha a melhor forma para você. E se for aplicar o rímel e usar o curvex depois, saiba que, segundo o que se lê por aí, existe o risco de ‘guilhotinar’ os seus cílios.

Antes ou depois do rímel, você deve encaixá-lo nos olhos e, segurando firme, fechar com cuidado, no máximo uns 15 segundos. Ou então (forma que eu uso e vejo mais resultado), apertar um pouquinho e soltar várias vezes. Se seus cílios forem bem longos, você pode ir ‘caminhando’ com o curvex conforme faz isso. Ou seja, coloca o curvex bem próximo à raiz dos cílios, aperta um pouquinho o curvex, abre o curvex, desce um pouquinho para o meio dos cílios, aperta de novo, solta o curvex, vai até mais próximo das pontas, aperta de novo. ‘Pel’amor de Deus’ não me vão segurar o curvex e puxar ele em direção às pontas com ele fechado, hein? Vocês vão arrancar os cílios dessa forma!

Mantenha sempre limpo e verifique se a borracha está no lugar certo, para não correr o risco de guilhotinar os cílios.

Os de plástico são descartáveis, os de metal duram mais e hoje há até os térmicos, que funcionam à pilha e esquentam levemente a borrachinha do aparelho, a fim de intensificar o efeito.

Já testei vários desses térmicos. O único que realmente funciona (ou seja, faz diferença) é o da Panasonic.

Dos comuns, já usei vários. Dos mais fáceis de encontrar e mais baratos, o Prada é o melhor, na minha opinião.

Depois de um tempo, finalmente investi em um Shu Uemura, e abandonei o da Prada.

E ainda… depois de ver centenas de vídeos da Júlia Petit, onde ela usava sempre o mesmo curvex (até ele quebrar, hoje ela usa outro), eu cacei durante meses o tal, até que encontrei na Drogaria Onofre. É o curvex da Basicare (na foto ao lado), com cabo ergonômico. Não custa caro (R$ 17,00 na Drogaria Onofre online – preço sem o frete *) e, sério, é MELHOR que o Shu Uemura (que na brincadeira custa pelo  menos R$ 60,00, no Mercado Livre).

É isso, meninas.

Espero que tenham gostado do post. Se tiverem dúvidas, não hesitem em perguntar. Terei prazer em responder.

Beijinhos a todas e uma ótima semana.

_______________

(*) Preços consultados na data desse post. Podem sofrer alterações.

Compras: Loja Virtual “Vivo Maquiada”

Olá, meninas! Como foram de fim de semana?

Finalmente chegou (e já passou) o dia da tal festa que eu estava aguardando ansiosamente no sábado. E eu ia tirar umas fotos do make para postar para vocês porque queria falar de umas paletas de sombra maravilhosas que eu comprei e eu esqueci (pasmem!) de tirar foto!

De qualquer forma, tirei as fotos das paletas para mostrar para vocês e aproveitar para falar dessa loja ‘belezinha’ que eu achei ‘meio sem querer’. Mais cedo ou mais tarde usarei uma das paletas novamente e farei um esforço para lembrar das fotos.

Estava procurando umas paletas de sombra com uns preços legais lá no Mercado Livre quando me deparei com os anúncios da Juliana. Depois de ter dado o lance nas paletas, visitei o e-shop da Vivo Maquiada no Mercado Livre.

Eu simplesmente A-M-E-I a loja. Tem vários ítens de maquiagem importados difíceis de achar (coisas da Elf, Coastal Scents, Ponds, Maybelline… e até MAC, Sephora e Sally Hansen), assim como marcas nacionais como a Prada, a Yes! e a Abelha Rainha.

Tem itens de maquiagem (incluindo coisinhas para as unhas), necessaires, corpetes, meias-calças importadas. Um verdadeiro achado.

Infelizmente, as paletas de maquiagem que eu comprei já esgotaram. Tem que ficar sempre de olho, porque como a variedade de produtos é bem grande e o preço é muito camarada, se pensar duas vezes, não acha mais.

Eu já comprei duas vezes com a Juliana e estou comprando pela terceira vez. Tem sempre alguma coisa que você olha e pensa ‘Ah! Eu bem estava precisando disso!’.

Comprei um corretivo da Yes! na cor Claro, um pincel para base e corretivo Prada, um pincel de sombra/base côncavo grande Prada, as quatro paletas de 8 sombras BB Cosmetics (que estão esgotadas), um pincel com ponta para marcação (também conhecido como pincel-lápis e que eu estava atrás há um tempão) e um batom da coleção Nude da Yes! Cosmetics (peguei a cor London, que é um tom bem parecido com um batom d’O Boticário chamado Açaí, que foi tirado de linha há muitos anos e que era o meu batom ‘nude’ perfeito).

Gostei de todos os produtos! Chegou tudo direitinho, as paletas chegaram perfeitinhas, nenhuma sombra espatifou no caminho. Adorei mesmo. Tanto que já comprei três vezes, não é? (risos). E com certeza voltarei a comprar.

Mesmo estando esgotadas, vou mostrar para vocês as paletas, porque eu prometi semana passada. Todas elas tem cores metálicas ou com glitter, são lindas, com uma pigmentação muito legal e, com um bom primer de base, duram várias horas.

Veja bem, nenhuma sombra, por melhor que seja, consegue durar muito sem um bom primer. Portanto, quando eu digo que a sombra dura bastante com um bom primer, não quer dizer que a sombra seja de qualidade inferior e portanto só dura com primer. Ela sozinha vai durar bastante. Mas se você tem uma festa para ir e precisa se arrumar mais cedo – como eu, no sábado, quando a festa começou 18h30, eu tive que me arrumar às 15h, e só voltei para casa às 23h – compensa investir num bom primer. A maquiagem ficou quietinha lá, das 15h até as 23h, e eu nem retoquei.

As cores são lindas e super na moda (quem acompanha as tendências de maquiagem sabe que agora para o inverno vamos ver e usar muita sombra metálica).

Os estojos vem com um aplicador de duas pontas e um espelho bem legal, que pega toda a parte interna da tampa.

Além de tudo, custaram super baratinho. Foram R$ 11,00 (*) em uma paleta com 8 cores. Para servir como comparação, o duo de sombras (duas cores) mais barato da Avon, da linha Color Trend, que é um dos mais em conta no mercado, sai por R$ 16,00.

Espero que vocês gostem e não fiquem com ‘invejinha’ das minhas paletas. Lá na Vivo Maquiada tem mais várias paletas importadas com cores legais e preços bacanas e a Ju está sempre recebendo novos produtos para gente babar.

Quando estiverem procurando algum item de maquiagem importado e tiverem dificuldade, dêem uma olhada no e-shop da Juliana.

Espero que tenham gostado. Beijinhos!

_______________

(*) Preço pago na data da compra. Pode sofrer alterações.

%d blogueiros gostam disto: