Testei: Redness Solutions Soothing Cleanser (Clinique)

Oi, tudo bem?

Faz tempo que o blog não tem resenhas novas mas como eu recebo muitos questionamentos sobre os meus cuidados com a pele do rosto desde o meu problema com a dermatite perioral, decidi fazer uma resenha sobre o produto que eu mais gosto para limpeza da pele: o Redness Solutions Soothing Cleanser, da Clinique.

De antemão, já aviso que não é um produto baratinho mas quem tem pele sensível e seca como a minha (uma minoria da população brasileira tem esse tipo de pele), vale muito a pena investir. Primeiro, porque é certeza de estar usando um produto sem parabenos, sem fragrância, sem componentes químicos agressivos etc. Segundo, porque o rendimento é absurdo! Uma bisnaga de 150ml é suficiente para limpar o rosto duas vezes por dia por pelo menos três meses, o que dá um gasto aproximado de pouco menos de R$ 50,00 por mês para ficar em paz com a pele delicada do rosto.

Eu uso o produto pela manhã, aplico no rosto e uso o meu Foreo para garantir uma pele bem limpinha, enxaguando em seguida. À noite, uso outro produto da Clinique: o Sabonete Líquido Facial Soap Tube para pele extrasseca.

Enfim… vamos à resenha. 🙂

Redness Solutions Soothing Cleanser

Marca: Clinique

Fabricante: Clinique Laboratories (fabricado nos Estados Unidos)

Descrição: loção de limpeza facial antivermelhidão

Conteúdo: 5 fl.oz. / 150ml

O que promete:
Loção de limpeza facial submetido a testes de alergia*. 100% sem fragrância.  *Este produto foi formulado de maneira a minimizar possível surgimento de alergia.

Gel-creme de limpeza suave que não resseca a pele. Elimina a maquiagem e impurezas. Ajuda a acalmar a pele enquanto mantém o equilíbrio de hidratação da pele. Sem óleo.

Modo de usar:
Massagear suavemente no rosto. Em seguida enxaguar com água morna ou remover com lenço de papel.

Precauções:
Somente para uso externo. Evita calor excessivo. Manter embalagem bem fechada e fora do alcance de crianças.

Composição: Water\ Aqua\ Eau, Squalane, Glycerin, Butylene Glycol, Phenyl Trimethicone, Ammonium Acryloydimethyl Taurate/ VP Copolymer, Cucumis Sativus (Cucumber) Fruit Extract, Hordeum Vulgare (Barley) Extract\ Extrait D’orge, Sucrose Stearate, Sea Whip Extract, Cholesterol, Helianthus Annuus (Sunflower) Seedcake, Acetyl Glucosamine, Lactobacillus Ferment, PPG-20 Methyl Glucose Ether, Caffeine, Propylene Glycol Dicaprate, Caprylyl Glycol, Disodium EDTA, BHT, Phenoxyethanol, Yellow 5 (CI 19140), Green 5 (CI 61570), Blue 1 (CI 42090).

O teste: Uso diariamente pela manhã. Coloco um pouco do produto nas pontas dos dedos e massageio o rosto com movimentos circulares. Com o produto ainda na pele, uso o Foreo, que ajuda a limpar profundamente a pele com os seus pulsos. Depois, é só enxaguar.

Avaliação

Textura, Aplicação e Rendimento: 5 (Ótimos)

É um creme gel verdinho muito leve e delicado. Por ser um produto formulado para pele sensível, ele não tem agentes de espuma em sua composição. Por isso, ele não faz espuma, o que pode causar estranhamento em quem está acostumado com produtos espumantes.

A aplicação é delicada e refrescante. Não irrita a pele e instantaneamente dá uma sensação de alívio, frescor e hidratação à pele sensível e que tem tendência à vermelhidão.

Cheiro: 5 (Ótimo)

Não tem perfume, como deveria ser todo e qualquer produto feito para a limpeza do rosto, principalmente quando direcionado às peles sensíveis. Os perfumes e fragrâncias são os componentes que mais causam alergia e irritação em todo o mundo. Por isso, um produto realmente hipoalergênico não deve, jamais, conter fragrância. Duvida? Pergunte a um dermatologista.

Infelizmente, aqui no Brasil, a Anvisa permite que produtos com perfume e fragrância na composição sejam vendidos como produtos hipoalergênicos. 😦

Mesmo sem perfume, seu cheiro é delicado e praticamente imperceptível.

Resultados: 5 (Ótimos)

Se sua pele é realmente sensível e, principalmente, se sua pele for seca, você precisa experimentar. Na dúvida, visite uma loja Clinique e peça uma amostra.

A pele fica realmente limpa, mesmo sem espuma, não resseca e ainda acalma a pele, além de criar uma película protetora que evita o ressecamento, que causa ainda mais irritação e vermelhidão.

Embalagem: 3 (Regular)

É uma bisnaga plástica opaca verde perolada, que vem em uma caixinha onde estão contidas a maior parte das informações. Na bisnaga mesmo, temos apenas breves descrições sobre o produto em vários idiomas, dados da unidade fabricante e o peso líquido, assim como sua validade que é descrita da forma usual nos países estrangeiros, ou seja, não há uma data especificada, e sim uma sugestão de uso para até 24 meses após aberto. Na caixinha, a Clinique coloca uma etiqueta com a validade da forma que a Anvisa exige por aqui (exemplo: outubro de 2020).

A tampa é de rosca, o que não facilita muito o uso, na minha opinião. Ponto positivo para o fato da tampa ficar voltada para baixo, assim, a bisnaga fica apoiada sobre a tampa o que permite que o produto esteja sempre na parte inferior, bem próximo à saída, evitando que a gente tenha que ficar chocalhando a embalagem para que ele saia.

A opacidade do plástico usado não permite que acompanhemos o uso do produto e dificulta a visualização do quanto ainda temos na embalagem.

Preço: 1 (mais de R$ 90,00)

O preço oficial do produto é de R$ 149,00*. Como eu mencionei no começo do post, é um preço salgadinho mas para quem precisa de um cuidado mais específico para a pele do rosto, é um investimento que vale muito a pena. Para mim, os 150ml duram aproximadamente 6 meses, pois eu lavo o rosto com ele apenas na parte da manhã, fazendo uso de outro produto à noite. Se você decidir investir para usar duas vezes ao dia, ele durará aproximadamente 3 meses, já que não é preciso muito produto para lavar o rosto com eficiência.

Facilidade de encontrar: 5 (Muito fácil de encontrar)

Os produtos Clinique são muito fáceis de encontrar, no loja virtual da própria marca, que envia para todo o Brasil, nas lojas físicas da marca (que você pode pesquisar no próprio site oficial) e também em grandes lojas de cosméticos (tanto virtuais quanto físicas). Os preços podem variar um pouquinho pois eventualmente o produto entra em promoções, seja na loja da própria Clinique ou nas demais lojas que revendem os produtos da marca.

Segurança da composição: 3 (Risco Moderado)

(O que é isso?)

Composição: Water\ Aqua\ Eau, Squalane, Glycerin, Butylene Glycol, Phenyl Trimethicone, Ammonium Acryloydimethyl Taurate/ VP Copolymer, Cucumis Sativus (Cucumber) Fruit Extract, Hordeum Vulgare (Barley) Extract\ Extrait D’orge, Sucrose Stearate, Sea Whip Extract, Cholesterol, Helianthus Annuus (Sunflower) Seedcake, Acetyl Glucosamine, Lactobacillus Ferment, PPG-20 Methyl Glucose Ether, Caffeine, Propylene Glycol Dicaprate, Caprylyl Glycol, Disodium EDTA, BHT, Phenoxyethanol, Yellow 5 (CI 19140), Green 5 (CI 61570), Blue 1 (CI 42090).

Score na EWG: 3clique aqui para conferir os níveis de cada um dos componentes.

Legenda indicativa do nível de toxicidade, segundo o Environmental Working Group:

  • Verde: de 1 a 2, risco baixo (classificação no EWG = nota do Blog: 1 = 5 / 2 = 4,5)
  • Laranja: de 3 a 6, risco moderado (classificação no EWG = nota do Blog: 3 = 4 / 4 = 3,5 / 5 = 3 / 6 = 2,5)
  • Vermelhode 7 a 10, risco alto (classificação no EWG = nota do Blog: 7 = 2 / 8 = 1,5 / 9 = 1 / 10 = 0,5)

Componentes não indicados para pessoas com rosácea e/ou pele sensível:

  • Não há componentes prejudiciais para esses casos.

Recapitulando…

Textura, aplicação e rendimento: 5 x 2 = 10
Cheiro: 5 x 2 = 10
Resultados: 5 x 3 = 15
Embalagem: 3 x 0,5 = 1,5
Preço: 1 x 1 = 1
Facilidade de encontrar: 5 x 0,5 = 2,5
Segurança da composição: 3 x 1 = 3

Média: 4,0

Avaliação Geral:

Considerações finais:

Eu particularmente sou apaixonada pelo Redness Solutions. Apesar do seu preço não ser muito acessível é um produto de excelente qualidade e que atende às necessidades da pele seca e com tendência à vermelhidão, como a minha.

Também pode ser usado por quem tem rosácea e quem sofre desse problema no Brasil sabe o quanto é difícil encontrar produtos específicos para esse tipo de pele.

Principalmente depois que eu comecei a usar em conjunto com o Foreo, minha pele mudou da água para o vinho mas sobre o aparelho eu vou contar mais para vocês em um próximo post.

Minha única observação sobre o Redness Solutions é que a Clinique poderia fazer o produto com a mesma embalagem do Facial Soap Tube (o produto que eu uso à noite, cuja bisnaga é translúcida – dá para ver o quanto ainda temos de produto – e tem tampa flip-top, que facilita muito o abre e fecha para o uso).

E vocês, conhecem esse produto incrível da Clinique? Contem para a gente nos comentários! 🙂

Beijocas e até o próximo post.

Fabi.


(*) Preço pesquisado na data deste post. Pode sofrer alterações.

Testei: Creme para as pernas Pele Extrasseca (Varicell)

Oi, tudo bem?

post de hoje é para falar para você sobre um produto que eu recebi na minha Glambox Mercado Livre, edição de Novembro do ano passado do serviço de assinatura.

Trata-se de um produto que chamou a minha atenção por ser um produto específico para quem tem pele extrasseca (meu caso) e, melhor ainda, destinado ao uso em um dos lugares do corpo que eu mais sofro para manter hidratada: as pernas.

Vamos lá? 🙂

Creme para as pernas Pele Extrasseca

Marca: Varicell

Fabricante: Mappel Indústria de Embalagens Ltda.

Descrição: creme para as pernas

Conteúdo: 300g

O que promete:
Evita o ressecamento. Hidrata profundamente as pernas. Melhora a circulação e aparência das pernas. Diminui a sensação de formigamento. Elimina dores, cansaço, inchaço e sensação de peso nas pernas.

Modo de usar:
Aplicar Varicell Creme, duas vezes por dia (manhã e noite), massageando suavemente as pernas com movimentos ascendentes até que o creme seja completamente absorvido. Usar preferencialmente após o banho.

Cuidados de conservação:
Conservar em temperatura ambiente entre 15ºC e 30ºC. Proteger da luz e da umidade.

Precauções:
Manter o produto fora do alcance das crianças. Não utilizar sobre a pele irritada ou lesionada. Evitar contato com os olhos. Não utilizar durante a gravidez. EM caso de sinais de intoxicação ou irritação, suspender o uso e procurar orientação médica.

Composição: Aqua, Shea Butter Ethyl Esters, Glycerin, Canola Oil, Propylene Glycol, Sodium Acrylates Copolymer, Camphor, Alcohol, Lecithin, DMDM Hydantoin, Menthol, Aesculus Hippocastanum Seed Extract, Polysorbate 20, Dissodium EDTA, Phenoxyethanol, Ruta Graveolens Leaf Extract, Ginkgo Biloba Leaf Extract, Imidazolidinyl Urea, Methylparaben, Propylparaben, Ethylparaben, Butylparaben.

O teste: Usei como indicado na embalagem: duas vezes ao dia, logo após o banho.

Avaliação

Textura, Aplicação e Rendimento: 3 (Regulares)

É um creme branquinho leve e suave, com ação refrescante. Também, não podia ser diferente, já que ele tem três ingredientes na composição que causam essa sensação: a cânfora, o mentol e o álcool.

No entanto, essa sensação refrescante não é duradoura e logo após o creme ser espalhado sobre a pele, ela desaparece.

Falando em espalhar, não gostei da absorção. Demora horrores e é preciso um tempão massageando para que ele finalmente desapareça. Nessa brincadeira, o que “descansou” as pernas não foi a ação do creme e sim da massagem que você teve que fazer para que a pele absorvesse.

O rendimento é razoável, bem na média, e a pele fica ligeiramente pegajosa após a aplicação. Não é um creme que consegue ser totalmente absorvido.

Cheiro: 2 (Ruim)

É basicamente um perfume bem mentolado, e só. O produto não tem perfume e, depois que a sensação refrescante passa, o cheiro também se transforma: de mentolado a óleo de cozinha. Pudera, o óleo de canola está presente na composição.

No final, suas pernas ficam cheirando fritura. Uma delícia (“Só que não.”).

Resultados: 1 (Péssimos)

O produto é vendido como um produto específico para o meu tipo de pele, ou seja, extrasseca. Promete hidratar profundamente as pernas. Logo, o mínimo que se espera é que ele hidrate as pernas, certo?

Acontece que ele não hidratou. Nem a curto nem a longo prazo. Não evitou o ressecamento, não hidratou as pernas e também não auxiliou no descanso das pernas como outros produtos da categoria que eu já experimentei porque a sensação refrescante dele dura poucos segundos.

Eu não tenho problemas de circulação, dores e inchaço nas pernas mas usei em alguns dias que eu havia andado bastante e estava bem cansada e o simples fato de tomar um banho me deixou muito mais descansada do que aplicar esse creme.

Embalagem: 5 (Ótima)

A embalagem eu achei excelente.

É um frasco plástico com válvula pump que, além da trava da própria válvula (que você gira de um lado para o outro, para abrir ou fechar), vem com uma trava adicional de encaixe que se mantém firme no lugar e é ótima para ser usada caso você precise transportar o frasco.

A base mais larga que a parte superior facilita o uso. Basta colocar a embalagem em uma superfície e apertar a válvula para dispensar o produto na palma da mão e aplicar.

Todas as informações sobre o produto estão na própria embalagem, com ótima legibilidade. O texto é branco, impresso sobre o tom dourado do frasco.

A data de validade, fabricação e lote estão gravados sobre um box branco no painel traseiro.

Preço: 3 (entre R$ 40,01 e R$ 65,00)

O preço médio do produto nos pontos de venda é de R$ 47,00*.

Facilidade de encontrar: 4 (Fácil de encontrar)

O produto pode ser facilmente encontrado em farmácias e drogarias, tanto em grandes redes como nos estabelecimentos menores, e também em perfumarias e lojas de departamento.

É possível encontrá-lo em lojas físicas e também em lojas virtuais. Para pesquisar preços online, clique aqui.

Segurança da composição: 3 (Risco Moderado)

(O que é isso?)

Composição: Aqua, Shea Butter Ethyl Esters, Glycerin, Canola Oil, Propylene Glycol, Sodium Acrylates Copolymer, Camphor, Alcohol, Lecithin, DMDM Hydantoin, Menthol, Aesculus Hippocastanum Seed Extract, Polysorbate 20, Dissodium EDTA, Phenoxyethanol, Ruta Graveolens Leaf Extract, Ginkgo Biloba Leaf Extract, Imidazolidinyl Urea, Methylparaben, Propylparaben, Ethylparaben, Butylparaben.

Score na EWG: 5clique aqui para conferir os níveis de cada um dos componentes.

Legenda indicativa do nível de toxicidade, segundo o Environmental Working Group:

  • Verde: de 1 a 2, risco baixo (classificação no EWG = nota do Blog: 1 = 5 / 2 = 4,5)
  • Laranja: de 3 a 6, risco moderado (classificação no EWG = nota do Blog: 3 = 4 / 4 = 3,5 / 5 = 3 / 6 = 2,5)
  • Vermelho: de 7 a 10, risco alto (classificação no EWG = nota do Blog: 7 = 2 / 8 = 1,5 / 9 = 1 / 10 = 0,5)

Componentes não indicados para pessoas com rosácea e/ou pele sensível:

  • Camphor: cânfora.
  • Alcohol: álcool comum.
  • Menthol: mentol.
  • Imidasolidinyl Urea: liberador de formol.
  • Methylparaben, Propylparaben, Ethylparaben e Butylparaben: parabenos.

Recapitulando…

Textura, aplicação e rendimento: 3 x 2 = 6
Cheiro: 2 x 2 = 4
Resultados: 1 x 3 = 3
Embalagem: 5 x 0,5 = 2,5
Preço: 3 x 1 = 3
Facilidade de encontrar: 4 x 0,5 = 2
Segurança da composição: 3 x 1 = 3

Média: 2,35

Avaliação Geral: 

Considerações finais:

Bom, acho que ficou claro o quanto eu me decepcionei com esse produto.

Não hidratou minha pele como eu esperava, visto que é um hidratante para pele extrasseca (meu tipo de pele), é o mínimo que eu esperava que ele fizesse. O cheiro é de óleo de cozinha, o preço é salgado e a composição, duvidosa. Para quem tem pele sensível como a minha ele tem não só quatro tipos de parabenos mas também um componente que libera formol. Isso sem contar a cânfora, o mentol e o álcool comum.

Com certeza não é um produto que eu compraria.

E vocês, já usaram esse ou outro produto Varicell?

Contem para a gente nos comentários. 🙂

Beijocas e até o próximo post.

Fabi.


(*) Média de preços pesquisada na data deste post. Pode sofrer alterações.

%d blogueiros gostam disto: