Testei: DepiRoll by Nair

Olá, meninas, tudo bem?

Tenho que confessar, eu não sou adepta dos cremes depilatórios. Mantenho em casa uma bisnaguinha de Veet para caso surja alguma emergência e por algum motivo, sabe-se lá Deus porquê, eu não possa me depilar com meu Satinelle (depilador elétrico) ou com lâmina mesmo, eu tenha um de reserva.

Mas então surgiu aqui para testar o DepiRoll by Nair e eu resolvi fazer um teste. Como não é um produto que eu costumo usar, achei válido fazer uma comparação com o Veet, que é o produto mais conhecido atualmente no mercado.

Então, fiz a depilação de 1/2 perna com os dois produtos, a perna esquerda com o DepiRoll e a perna direita com o Veet.

Para a comparação dos dois produtos, achei mais fácil fazer um tabela para que vocês pudessem visualizar melhor os prós e os contras de cada um deles.

Ambos os produtos utilizados são as versões para pele sensível: o DepiRoll Sensitive Skin e o Veet Peles Delicadas.

Vocês verão na tabela dois ícones que utilizei: um ‘check’ na cor verde, indicando um ponto positivo do produto, e um ‘x’ na cor vermelha, indicando um ponto negativo. Para as características que são indiferentes, ou são iguais para os dois produtos, não utilizei nenhum ícone.

DepiRoll by Nair

Marca: Depi Roll.

Descrição: Creme depilatório corporal.

O que promete: Depilação indolor de pernas, braços, axilas e virilha. Elimina os pelos desde a superfície dos poros. Hidrata e amacia as camadas superiores da epiderme.

Como usar: Este produto pode ser usado somente nos braços, axilas, pernas e virilha. A pele deve estar seca antes da aplicação. Aplique o creme uniformemente até que toda a área a ser depilada esteja com os pelos totalmente cobertos. Certifique-se de que os pelos indesejáveis estejam totalmente cobertos por uma camada grossa do creme. Não friccione. Após 5 minutos, retire o creme de uma pequena área com uma espátula, esponja ou toalha umedecida em água morna. Caso o pelo permanecer visível, espere mais 2 minutos. Teste a remoção novamente a cada 2 minutos, conforme descrito acima, porém nunca ultrapasse o tempo total de 10 minutos. Quando o pelo se desprender remova todo o creme. Não friccione. Sempre remova o creme depilatório com movimentos suaves. Em seguida, enxágue a área com água morna e aplique o Finalizador Gel Hidratante Pós Depilatório DepiRoll. Sempre remova o creme depilatório de maneira delicada, com água morna, sem fricção da região. O produto não deve ser reaplicado se na primeira aplicação houve algum sinal de irritação (ardência, coceira ou vermelhidão).

Restrições:Após o uso caso o pelo não se desprender, aguarde 72 horas para repalicar. Sempre mantenha a bisnaga fechada e na vertical.

Precauções: Siga as instruções de uso. Contém alcáli e sais de ácido tioglicólico. Não deve ser aplicado sobre mucosas ou em regiões a elas próximas (seios, área perianal e genital), no rosto (próximo aos olhos, ariz e orelha), sobre ferimentos na pele, inflamações ou irritações (acne, queimadura de sol). Não usar se a pele estiver irritada ou lesionada. Em caso de contato acidental da pele com o produto, limpe-a imediatamente. Não use em áreas onde se extraiu o pelo com pinças, até que este cresça novamente. Não recomendável para gestantes ou crianças. 24 horas após a sua aplicação, não use produtos que contenham álcool (perfumes ou desodorantes), pois poderão ocorrer irritações. Nâo aplicar o produto num prazo menor de 7 dias na mesma região. Não use com a finalidade barbear (rosto e cabeça. Não deixe o produto sobre a pele por tempo superior ao indicado no modo de uso. Caso a região a ser depilada apresente vermelhidão, evite exposição ao sol. Este produto é próprio ao uso a que se destina, entretanto, poderão ocorrer sensibilizações na pele. Antes de usar, faça o teste inicial. Uso externo. Mantenha fora do alcance de crianças. Evite contato com os olhos. Em caso de contato com os olhos, lave imediatamente com água morna em abundância e consulte um médico. Pode causar cegueira. A utilização deste produto é desaconselhada para pessoas que já tenham desenvolvido uma intolerância a depilatórios químicos.

Conteúdo da Embalagem: 50g.

Preço: R$ 17,00 (*)

Minha opinião: Únicas vantagens que vi em relação ao Veet foi o rendimento e a textura e odor do creme. O DepiRoll tem uma textura bem levinha, quando você passa na pele parece que está passando mesmo um hidratante, é bem suave, e não tem aquele odor característico de creme depilatório.

Curiosidade: as ‘meninas’ que já passaram dos 30 anos, é provável que se lembrem das mães usando um dos primeiros produtos desse gênero comercializados aqui no Brasil, da marca Payot, que na ocasião tinha um cheiro terrível, muito parecido com ovo podre (a sério). Lembro que era líquido, não creme, e que funcionava muito melhor que os atuais. Mas o cheiro… meu Deus… era insuportável (risos).

Voltando ao DepiRoll, apesar dessas ‘vantagens’ em relação ao Veet, ele não cumpriu o prometido nem com o tempo máximo de ação do produto. Além disso, aconselha o uso de outro produto da mesma marca após o seu uso, o tal Gel Hidratante Pós-Depilatório DepiRoll. Produto esse que eu não comprei (nem pretendo).

Fora a reação alérgica do dia seguinte. Várias partes da minha perna coçavam e os poros ficaram avermelhados. Como diz na embalagem, em caso de reação alérgica, não reutilize o produto. Sem problemas, DepiRoll, pode deixar.

Avaliação: 

Quer testar algum dos produtos? Clique aqui para fazer uma pesquisa de preços dos dois produtos e comprar o seu na loja virtual de sua preferência.

_______________

(*) Médias de preços pesquisados na data desse post. Podem sofrer alterações.

Maquiagem: 5) Pó – Para tirar o brilho

Olá, meninas…

Mais uma vez, vamos dar continuidade aos posts sobre maquiagem. Hoje falando sobre o pó facial.

A função do pó é completar o trabalho da base, uniformizando a cor da pele, dando um acabamento final e proporcionando uma tez aveludada e uniforme à pele. E mais: ele também ajuda a “enxugar” o excesso de oleosidade. Lembre-se de que a oleosidade dificulta a fixação dos produtos, fazendo a maquiagem escorrer.

Passe o pincel pelo produto e, depois, dê uma batidinha no dorso da mão, para retirar o excesso de pó das cerdas. Só então aplique em todos o rosto, e também no pescoço.

“Ao ver a cobertura uniforme e saudável que a base e o corretivo dão à pele, o primeiro impulso em frente do espelho é dispensar o pó, imaginando que ‘um aspecto empoeirado’ vai apagar tudo. Na verdade, ocorre o oposto. É justamente o pó que vai fixar as camadas anteriores, controlar o excesso de brilho e prolongar a vida da maquiagem.”

Duda Molinos

Tipos de pó

  • Pó compacto: ideal para controlar o excesso de brilho e para retocar a maquiagem;
  • Pó solto: ideal para peles mais oleosas, pois absorve o excesso de oleosidade, e para “empoar” com pincel todo o rosto;
  • Pó translúcido: oferecem uma cobertura suave e transparente, podem ser encontrados compactos ou soltos;
  • Pó opaco: indicado para quem tem a pele com poros vem visíveis;
  • Pó brilhante: para reforçar o brilho da pele, não é utilizado para corrigir imperfeições;
  • Pó bronzeador: como o próprio nome diz, tem o intuito de “bronzear” a pele, obviamente é um efeito temporário e, alguns deles dão um efeito muito artificial, o ideal é testar antes de utilizá-lo.

O tipo de pincel você escolhe com qual se adapta melhor. Normalmente (não regra), o pincel arredondado é melhor para aplicar o pó solto e o duo-fiber melhor para o pó compacto. O pó compacto, se usado para retoque, também pode ser usado com a esponjinha que geralmente acompanham as embalagens.

Maquiagem: 4) Blush – Um toque de saúde

Olá, meninas, tudo bem? Vamos continuar nossa série sobre maquiagem falando sobre o blush.

Na hora de aplicar o blush, algumas dicas são essenciais.

Primeiro, use um pincel redondo e largo para aplicá-lo.

Comece a aplicação a partir do meio das maçãs do rosto.

Passe o pincel (de leve) na testa, junto à raiz do cabelo, na linha do maxilar e no queixo. Isso garante um resultado mais natural.

Para deixar a cor da pele uniforme, alguns profissionais costumam finalizar a maquiagem com uma pincelada de blush em todo o rosto. Mas atenção: não se esqueça de retirar o excesso de produto do pincel, antes de proceder dessa maneira.

Não exagere. O blush não deve ficar “marcado”. Sua função é apenas realçar o colorido natural da pele.

“Rubor nas faces. Pudor, vergonha, excitação ou simplesmente atestado de saúde e bem-estar. Tantas são as maneiras de interpretar um rosto adulto que ganhou colorido nas maçãs, quase imitando a criança afogueada brincando na rua. Na década de 30, o círculo explícito do rouge marcava as bochechas, quase sempre de carmim ao vermelho puro. Mas com o passar dos anos, o blush ganhou tonalidades da pele humana e virou um poderoso instrumento de correção dos contornos e volumes do rosto na mão de profissionais.”

Duda Molinos

Tipos

  • Blush em pó: vai bem para todo mundo, pois a pele trabalhada (base, corretivo, pó) favorece a fixação do blush. Da variedade de texturas, a gama de beges e marrons opacos protagonizam a correção de volumes e contornos;
  • Blush cremoso: dá uma aparência de pele bem hidratada. Cuidado para não esfregar e apagar, caso tenha feito a pele antes;
  • Blush líquido: mais raro, fica bem em uma pele virgem, que não exigiu nenhum lastro de correção. Direto no rosto, dá um efeito natural, graças à transparência da cor sobre a pele.

Cores e efeitos

Há inúmeras cores de blush disponíveis no mercado e a forma que você dá ao traço pode ajudar a modificar o formato de seu rosto.

Quanto às cores, podemos resumir da seguinte forma:

  • Tons de coral: Fica bem em todos os tipos de pele;
  • Tons de rosa: Fica bem em morenas e loiras;
  • Tons de vermelho e vinho: Fica bem em pele negra;
  • Tons de laranja: Fica bem na pele oliva, como a das orientais;
  • Tons de marrom: Geralmente são usados para ‘correções’ do rosto.

Mas, se você é bem clarinha e gosta de blush vinho, use. Se você é oriental e gosta de um blush vermelho, use da mesma forma. O importante é criar uma harmonia. Essas dicas são mais úteis para quem está começando a se maquiar, para evitar cair em um erro que deixe o resultado da maquiagem muito artificial.

No geral, os melhores pincéis são os arredondados, como o pincel d’O Boticário. Se você já tiver experiência com maquiagem e quiser fazer correções, o pincel com corte chanfrado, como o da Natura, já é mais adequado.

Quanto à forma de aplicar, alguns maquiadores cismam em criar ‘regras’: “Se você tem o rosto redondo deve aplicar do jeito x para que ele pareça mais fino”. Não é assim. Se você tem o rosto redondo e gosta dele dessa forma, você não é obrigada a aplicar o blush de uma forma que faça seu rosto parecer mais fino. Essas dicas servem para quem se incomoda um pouco com o formato de seu rosto e quer uma ajuda para modificá-lo suavemente.

Muito mais interessante do que tentar modificar é valorizar o formato de seu rosto. Quanto mais você tentar ‘modificá-lo’, mais artifical sua maquiagem vai parecer. Fica algo forçado e feio.

Basicamente, se você subir o traço em direção às têmporas, vai deixar seu rosto mais “fino”. Um traço horizontal, ou seja, na altura das orelhas, alarga o rosto. Veja o que é melhor para o seu caso.

Não quero entrar em detalhes neste post pois é um assunto extenso e mais interessante para quem já tem experiência em maquiagem. Acho que é conteúdo para um post mais adiante, bem específico e mais detalhado.

Maquiagem: 3) Corretivo – Disfarce perfeito

Olá, meninas, tudo bem?

Vamos continuar à nossa sequência sobre maquiagem?

Hoje falaremos dos corretivos.

Manchas, espinhas, olheiras… O corretivo disfarça tudo. Mas para conseguir isso ele precisa ser um pouquinho mais claro que o tom natural da sua pele. Se ele for mais escuro vai realçar ainda mais tudo o que você está querendo esconder.

Coloque um pouquinho do produto nos lugares que você quer disfarçar. Para espalhar, dê batidinhas suaves com a ponta do dedo. Quando for aplicar o corretivo na área ao redor dos olhos, use um pincel especial para isso.

Há controvérsias sobre ‘quando’ passar o corretivo: antes ou depois da base. Não há certo e errado. A solução é testar e ver como você se adapta e como consegue um resultado melhor.

Os que criticam que o corretivo venha antes da base alega que, ao espalhar a base, você acaba espalhando mais o corretivo, diminuindo sua cobertura.

Eu particularmente prefiro passar o corretivo depois da base. Primeiro porque a base já irá cobrir uma parte das imperfeições, logo, você usará menos corretivo para corrigir o que ainda for necessário, sem correr o risco de exagerar na quantidade de produto e criar um efeito sobrecarregado. Segundo porque também acho que, se passar o corretivo primeiro, ao espalhar a base, espalhará também o corretivo, ele acabará perdendo o seu efeito, e você terá de passá-lo novamente.

“É difícil alguém escapar de um toque de corretivo para eliminar pequenos sinais indesejáveis da pele ou olheiras que revelem cansaço no rosto. Até mesmo quem procura um look natural pode usar o corretivo para dar homogeneidade à pele, sem a necessidade de ter preparado antes com a base. Como o próprio nome diz, é o cosmético que vai direto à correção de pontos ‘machucados’ do rosto: desde pintas, vasinhos rompidos, espinhas, até olheiras, vermelhão em volta do nariz, manchas e cicatrizes.”

Duda Molinos

Tipos de corretivo

  • Corretivo em bastão ou lápis: difíceis de lidar, normalmente acabam por revelar a correção, ao invés de disfarçá-la;
  • Corretivo líquido ou cremoso: mais fáceis de controlar a intensidade do produto aplicado.

Cores de corretivo

Se você é iniciante em maquiagem. Esqueça essa parte. Tenha um corretivo um tom mais claro que sua pele, e ele servirá para corrigir a maior parte dos seus problemas.

Claro, se quiser começar a aprender a fazer uma maquiagem mais elaborada, compre os corretivos coloridos de uma marca mais barata (mas com produtos bons, por favor. Indico a marca Abelha Rainha, que tem os corretivos de todas as cores, são produtos ótimos e super baratinhos).

Basicamente, eles funcionam da seguinte forma:

  • Corretivo verde: é indicado para cobrir manchas avermelhadas, como espinhas e cicatrizes;
  • Corretivo amarelo: é indicado para neutralizar manchas arroxeadas, como olheiras e hematomas;
  • Corretivo violeta: é indicado para manchas amarronzadas e alaranjadas, como sinais e sardas;
  • Corretivo laranja: indicado para olheiras em peles morenas.

Para todos eles, vale uma regra: após aplicar o corretivo colorido, passe sempre o corretivo bege (um tom mais claro que sua pele) por cima. Ou seja, aplique primeiro o corretivo colorido e depois o corretivo cor da pele.

É uma técnica mais difícil de dominar do que simplesmente passar o corretivo cor da pele, mas o resultado final é uma pele muito mais perfeita e bem corrigida. Lembre-se que você precisa fazer camadas bem suaves, pois estará usando uma camada a mais de corretivo (a colorida). Se ‘pesar’ na mão, sua maquiagem ficará mais carregada e, portanto, menos natural.

Não é algo obrigatório para o dia a dia, e é mais aconselhável para dias de festas ou eventos importantes. É importante treinar bastante antes de sair por aí usando os corretivos coloridos.

Se quiser comprar esses corretivos coloridos da marca Abelha Rainha, entre no site Vivo Maquiada, da minha amiga e parceira Juliana. Com certeza vocês serão super bem atendidas e tenho certeza que se encantarão com mais algumas coisas que ela vende no site. É uma delícia! 🙂

Aproveitando… A Vivo Maquiada e o Blog Necessaire de Mulher sortearão, na próxima sexta-feira, dia 06 de Maio, um kit maravilhoso com produtos de maquiagem Abelha Rainha e uma paleta de 5 cores de sombras da Nyx.

E aí? Está esperando o que pra participar? Clique aqui, leia o regulamento, e participe! Boa sorte. 🙂

Maquiagem: 2) Base – Acerte o tom

A base deve ser no tom exato da sua pele. Só assim você consegue uma cor uniforme e, ao mesmo tempo, natural. Uma base muito escura deixa sua fisionomia muito pesada. Se for muito clara, o resultado final será um rosto ‘mascarado’. Mesmo que você puxe a base para o pescoço, haverá um grande contraste entre o rosto e pescoço e as partes do corpo que não foram maquiadas.

Coloque um pouquinho de base nos pontos-chave, ou seja, testa, nariz, maçãs do rosto, queixo e  pescoço. Não se esqueça de aplicar também um pouquinho do produto nas pálpebras e nos lábios (ajuda a fixar a sombra e o batom).

Na hora de espalhar, dê batidinhas no rosto com uma esponja levemente umedecida.

Se preferir trabalhar com pincéis, lembrem-se que os tipo duo fiber (mais ‘fofinhos’) oferecem uma cobertura mais suave e, portanto, mais natural, cobrindo menos imperfeições. Já os pincéis de base ‘achatados’, cujas cerdas ficam mais juntas umas das outras, oferecem uma cobertura mais densa, cobrindo mais imperfeições.

Obviamente, o tipo de base escolhido também influenciará no tipo de cobertura (leve, média ou pesada).

“A base ajuda a fazer o lastro da sua maquiagem, além de dar uma tonalidade mais uniforme para a pele. Pois há regiões mais escuras do rosto – ao redor dos olhos, da boca – que, ao ganharem luminosidade, proporcionam à pele uma aparência de bem tratada. Escolha conforme o seu tipo de pele e a necessidade que você tem de cobrir imperfeições. Peles boas pedem cobertura fina de bases transparentes ou luminosas (ou nenhuma pele). Já as peles mais complicadas exigem uma camada eficaz que disfarce imperfeições como cicatrizes, espinhas ou manchas. Neste caso, a base opaca é melhor.”

Duda Molinos

Tipos de base

  • Base Líquida: é a mais transparente delas, sendo assim, é a que garante um resultado mais natural;
  • Base Cremosa: tem uma melhor cobertura, porém, não é indicada para as peles mais oleosas;
  • Base + Pó: mais conhecida como Duo Base ou Duocake, dá o toque de praticidade que reúno o duplo efeito de uma base líquida mais pó compacto. O efeito está entre as bases líquida e cremosa e o Pancake;
  • Pancake: pode ser considerado uma “base em pó”. Dissolvido em água, dá uma cobertura total, portanto, mais pesada. Sendo assim, acentua e destaca ainda mais rugas e linhas de expressão.

Demaquilantes

Olá, meninas, tudo bem?

Eu sei que estive ausente nos últimos dias, mas estou de volta…

Para quem está passando aqui pela primeira vez, já conferiu os sorteios do blog? Clique aqui e participe! Tem até uma paleta Nyx com 5 cores de sombras, produtos de maquiagem Abelha Rainha e um kit com 5 esmaltes.

Hoje vamos falar de demaquilantes. Esse produto é essencial para quem gosta de usar maquiagem, pois ele inicia o processo de limpeza da pele.

Eu já tive oportunidade de usar vários demaquilantes e tenho os meus preferidos. No final, cada um tem o seu melhor uso e o seu valor (assim, quando a situação financeira dá uma apertada, podemos correr para aquele mais baratinho, mas que não deixa a desejar para os produtos mais caros).

Já ouvi muitas meninas com uma dúvida bem básica sobre demaquilante: afinal, qual é a diferença entre os demaquilantes definidos ‘para olhos’ e os que não tem essa definição? A diferença é bem simples… os específicos para os olhos geralmente não tem (ou tem em menor quantidade) agentes que podem causar irritação nos olhos. ‘Ah, eu preciso ter os dois?’. Não. Basicamente, o que você usa nos olhos pode ser usado no restante do rosto. Mas nem todo demaquilante que você usa no rosto pode ser usado nos olhos. Certo?

Vamos começar? A ordem em que os produtos aparecem não tem nada a ver com qualidade ou preço do produto, certo?

1) Demaquilante Bifásico para Olhos e Rosto

Marca: O Boticário.

Descrição: Loção demaquilante para olhos e rosto.

Indicação: Todos os tipos de pele.

Modo de usar: Agite bem antes de utilizar, até que as duas fases do produto formem uma loção homogênea. Umedeça um pequeno pedaço de algodão e passe no rosto e pálpebras até que toda a maquiagem seja removida.

O que promete: Retirar efetivamente qualquer maquiagem, inclusive a à prova d’água.

Conteúdo da Embalagem: 120 ml.

Preço: R$ 33,90 (preço válido para o Estado de São Paulo) (*).

Pontos positivos:

  • De fato retira com facilidade toda a maquiagem, mesmo a à prova d’água;
  • Preço aceitável;
  • Não tive problemas com irritação dos olhos;
  • Dura bastante, mesmo usando diariamente. Só um pouquinho do produto em um algodão remove bastante maquiagem.

Pontos negativos:

  • Para mim, deixa a pele bastante oleosa após a aplicação. Nada que uma lavagem no rosto com um bom sabonete não resolva, mas ainda assim, me incomoda um pouco. Para quem tem pele seca, ele deve ser ótimo. Como a minha é mista para oleosa, é um pouco complicado.

Avaliação:

`*•..,¸@@•*´¨`*•,@@¸.•*´¨`*•@@¸.•*´¨`*•.¸@@¸•*´

2) Loção Demaquilante para a área dos olhos

Marca: Nívea.

Descrição: Loção demaquilante para a região dos olhos.

Indicação: Todos os tipos de pele. Testada oftalmologicamente.

Modo de usar: Aplique delicadamente o produto com algodão e limpe os cílios e pálpebras.

O que promete: Não oleosa e com pró-vitamina B5, remove a maquiagem da sensível área dos olhos, exceto à prova d’água.

Conteúdo da Embalagem: 125 ml.

Preço: R$ 21,75 (preço médio pesquisado em lojas virtuais) (*).

Pontos positivos:

  • Proporciona uma limpeza bem delicada, sem agredir a região dos olhos;
  • Preço baixo;
  • Não tive problemas com irritação dos olhos;
  • Realmente não é oleosa e não deixa pele ‘grudenta’.

Pontos negativos:

  • Não retirar maquiagem à prova d’água. Não é exatamente um problema, porque a própria Nívea diz que não tira. Mas, como o produto é bom e tem um preço bacana, seria ótimo se funcionasse com rímel à prova d’água.

Avaliação:

Clique aqui para pesquisar preços e comprar o seu.

`*•..,¸@@•*´¨`*•,@@¸.•*´¨`*•@@¸.•*´¨`*•.¸@@¸•*´

3) Démaquillant 4 en 1

Marca: Anna Pegova.

Descrição: Loção demaquilante 4 em 1.

Indicação: Todos os tipos de pele.

Modo de usar: Agitar o frasco. Aplicar o produto em um algodão, sem encharcar e passar no rosto todo com movimentos circulares, efetuando a limpeza de pele. Evitar esfregar em demasia as pálpebras para que não escorra dentro dos olhos.

O que promete: Promete cumprir quatro funções: 1) Limpar suavemente todas as impurezas e maquiagem; 2) Demaquilar os olhos sem irritá-los; 3) Tonificar, descongestionar, acalmar e refrescar a pele; 4) Impregnar suavemente a pele de componentes hidratantes.

Conteúdo da Embalagem: 200 ml.

Preço: R$ 132,00 (diretamente nas lojas físicas ou na loja virtual Anna Pegova) (*).

Pontos positivos:

  • ? (Não vocês não viram errado e eu não errei ao digitar… Eu adoro os produtos Anna Pegova, mas em relação a esse, explico: Ok, ele limpa a pele, mas vamos aos problemas…)

Pontos negativos:

  • Nunca consegui usar esse demaquilante na região dos olhos. Por mais ‘sequinho’ que você deixe o algodão, para evitar que o produto escorra para dentros dos olhos, ele sempre causou irritação;
  • Não tonificou, nem descongestionou, nem acalmou, e nem refrescou a pele. Antes pelo contrário, na pele sensível das minhas bochechas ele só fez piorar a sensibilidade;
  • Não vi nada ‘hidratante’, e ainda assim, senti a pele meio oleosa depois;
  • Vamos combinar… é caro pacas.

Avaliação:

`*•..,¸@@•*´¨`*•,@@¸.•*´¨`*•@@¸.•*´¨`*•.¸@@¸•*´

4) Loção para remover maquiagem dos olhos

Marca: Avon.

Descrição: Loção para remover maquiagem dos olhos.

Indicação: Todos os tipos de pele. Testado dermatológica e oftalmologicamente. Não contém fragrância.

Modo de usar: Aplique com algodão embebido com a loção sobre as pálpebras e cílios com suaves movimentos circulares. Remova com algodão ou papel absorvente. Enxágüe com água.

O que promete: Sua fórmula leve e suave promete condicionar e hidratar os cílios e a delicada pele da área dos olhos. Remove rapidamente a maquiagem, inclusive à prova d’água. Pode ser usada em todo o rosto.

Conteúdo da Embalagem: 59 ml.

Preço: R$ 8,00 (preço do catálogo) (*).

Pontos positivos:

  • Não tem fragrância e é testado tanto oftalmológica quanto dermatologicamente. Ou seja, diminui o risco de alergias e irritações;
  • O preço é uma pechincha. Com algumas revendedoras que compram em grande quantidade para revenda direta (seja através de loja virtual ou de pequenos bazares e mercadinhos), você consegue preços ainda mais camaradas;
  • Sua consistência é bem densa (muitas meninas reclamam disso, chega a parecer cola branca) faz com que o produto renda bastante.
  • Dica: esse preço camarada me deu vontade de testá-lo para limpar os pincéis de maquiagem e deu certo. Passo ele primeiro, e depois dou o famoso ‘banhinho’ com shampoo e condicionador para bebês. Ficam mega limpinhos.

Pontos negativos:

  • Eu particularmente não vi nenhuma. Cumpre o que promete, e o preço é mais do que justo. Única coisa que eu diria, devido à reclamações de outras meninas, é a textura ‘cola Tenaz’… Mas não é uma coisa que incomoda a mim, então, na verdade, não tem pontos negativos.

Avaliação:

`*•..,¸@@•*´¨`*•,@@¸.•*´¨`*•@@¸.•*´¨`*•.¸@@¸•*´

5) Toleriane Dermo-Nettoyant

Marca: La Roche Posay.

Descrição: Gel creme demaquilante para olhos e rosto.

Indicação: Todos os tipos de pele, inclusive as sensíveis. Não contém fragrância. Não contém conservantes. Não contém tensoativos. Hipoalergênico. Testado dermatologicamente.

Modo de usar: Aplique por todo o rosto e pescoço pela manhã e/ou noite, com um algodão, em movimentos cirulares. Limpar cuidadosamente sem esfregar. Repetir a operação se necessário. Não é necessário enxaguar.

O que promete: Com água termal, limpa e demaquila sem agredir.

Conteúdo da Embalagem: 200 ml.

Preço: R$ 58,50 (preço médio pesquisado em lojas virtuais) (*).

Pontos positivos:

  • Não tem fragrância, não tem conservantes, não tem tensoativos, não tem corantes, é hipoalergênico e pode ser usado em peles sensíveis, sem irritar ainda mais. Em resumo, é um sonho;
  • Sua consistência é bem delicada. É um gel-creme (um creme mais ‘molinho’, mais suave);
  • Você tem a opção de não precisar enxaguar depois. Eu particularmente não gosto, prefiro sempre lavar a pele e fazer o resto de todo o meu ritual diário. Mas, é uma opção.

Pontos negativos:

  • Está bem… é caro (mas ainda não é o preço da Anna Pegova). E todo produto para pele sensível custa uma fábula. E este além de ser para pele sensível ainda é importado e da La Roche Posay. Não dava para ser diferente. Portanto, não perde uma estrelinha por ser um pouco mais caro que os demais (exceto Anna Pegova).

Avaliação:

Clique aqui para pesquisar preços e comprar o seu.

`*•..,¸@@•*´¨`*•,@@¸.•*´¨`*•@@¸.•*´¨`*•.¸@@¸•*´

E vocês, meninas? Porque não contam quais os produtos já usaram, se gostaram ou não e porque? Os comentários estão aí para isso.

Beijinhos a todas.

_______________

(*) Preços pesquisados na data desse post. Podem sofrer alterações.

%d blogueiros gostam disto: