Testei: Oil Complex Oil Argan (Alta Moda – Alfaparf)

Olá, meninas, tudo bem?

Antes de começar a falar desse produto e de como foi o teste, gostaria de mencionar alguns detalhes em relação à Alta Moda.

Desde que foi lançada por aqui, o discurso que ouvimos é que essa marca é uma ‘marca da Alfaparf para uso caseiro’.

Há muitos anos eu utilizo produtos importados da Alfaparf. Compro os shampoos em embalagens de litro, muito mais econômicos, e alguns finalizadores e ceras para cabelos.

Fiquei bastante curiosa quando vi a tal Alta Moda pela primeira vez, pois acreditei que poderia comprar produtos com a qualidade que eu já conhecia, porém com preços mais em conta.

Acabei não comprando nenhum produto e recebendo dois diferentes em duas das “caixinhas de beleza” que assino. O que me deixou animada, pois poderia testar sem ter de gastar com um produto totalmente desconhecido.

Antes de fazer o teste e começar a escrever a resenha, fiz uma pesquisa a respeito da marca.

Assim, vamos esclarecer algumas coisas…

A Alta Moda é uma marca brasileira (sim, os produtos são fabricados no Brasil) que teoricamente utiliza a mesma tecnologia do grupo Alfaparf. Teoricamente porque não vejo garantia de que os equipamentos e componentes utilizados na fabricação de seus produtos sejam da mesma qualidade dos produtos fabricados na Alfaparf, que está localizada na Itália.

Se vocês entrarem no site oficial da Alfaparf, ou no site da marca para o mercado brasileiro, verão várias marcas da Divisão de Negócios deles, menos a Alta Moda. Não existe nem menção à marca e eu fiquei me questionando a razão…

No fundo, a Alta Moda é uma marca brasileira que conseguiu uma concessão para fabricar produtos aqui no país e comercializá-los sob o “guarda-chuva” da marca Alfaparf. Aparentemente com o apoio do marketing deles também, com stands enormes nas feiras de beleza e muitas matérias sobre os produtos em revistas femininas.

Restava a dúvida sobre se os produtos realmente são aquilo que aparentam ser.

Recebi na minha Blush Box de Outubro dois sachês de 10ml cada, totalizando 20ml de produto, mais do que o suficiente para realizar o teste e fazer uma resenha.

Vamos lá? 🙂

Oil Complex Oil Argan (Alta Moda – Alfaparf)

Marca: Alta Moda – Alfaparf

Fabricante: Delly Kosmetic

Descrição: finalizador com óleo de argan

Conteúdo: 120ml

O que promete: O ouro do Marrocos, assim se conhece o óleo extraído das sementes da Argan Spinosa, riquíssimas em ômegas, vitaminas e ácidos graxos essenciais. Combate os radicais livres, reestrutura a camada hidrolipídica das fibras capilares, aumenta a resistência dos fios a processos químicos, escovas e estiramentos. Um profundo tratamento de saúde, para qualquer tipo de cabelo, inclusive os que já receberam alisamentos e escovas.

Como usar: Poderá ser usado de várias maneiras, com critério, pois é poderoso em sua ação umectante. No enriquecimento de máscaras, condicionadores, produtos para massagens, como principal agente de hidratações, usar quantidade que julgar necessária. Se aplicado puro, como um finalizador/reparador de fios/pontas, porcione aos poucos, até que se obtenha a disciplina desejada. Recomendamos lavar e nutrir seus cabelos com os os demais produtos da Linha para um tratamento profundo e completo.

O teste: Testei como finalizador, aplicando com os cabelos úmidos e com os cabelos secos. Para esse tipo de produto, se ele não funcionar sozinho, não sei onde pode ajudar misturando em outros produtos para cabelos, como máscaras e tinturas.

Avaliação

Textura, aplicação e rendimento: 1 (Péssimos)

Bem.. vamos partir do preceito mais básico. Alguém já viu um óleo tão ralo quanto água? Eu nunca tinha visto, esse foi o primeiro, ainda mais em um produto que se diz ‘óleo de argan’ quando já temos tantos outros produtos com argan no mercado.

Não gostei da textura, mas ainda assim, continuamos com o teste.

Esfregando o produto na palma das mãos ele me pareceu mais oleoso do que hidratante, o que me fez acreditar levemente da descrição tão forte do produto que recomenda cuidado na aplicação por ser um produto extremamente hidratante.

Mas ao passar nos cabelos úmidos não senti diferença. Minhas mãos continuaram oleosas e o produto parecia não aderir aos fios. Passando nos cabelos secos, é bem difícil espalhar nos fios. O produto acaba se concentrando apenas nos primeiros fios onde você encosta e não há meio de espalhar para os outros fios.

Nem consigo falar sobre rendimento, porque se você passa pouco não dá resultado, se passa muito fica com o cabelo ensebado.

Cheiro: 2 (Ruim)

Não gostei também. Primeiro argan que eu vejo com cheiro de cravo. A especiaria, não a flor. Eu particularmente detesto cheiro de cravo, logo não gostei do cheiro desse produto.

Resultados: 2 (Ruins)

Mais uma vez, não gostei. Não senti meus cabelos macios, nem hidratados. Com os cabelos secos, dá uma leve reduzida no frizz e um pouco, muito pouco mesmo, de brilho. Nada além disso.

Embalagem: 3 (Regular)

Nada de especial, embalagem extremamente simples, com tampa de rosca e sem nenhum atrativo extra.

Preço: 3 (entre R$ 40,01 e R$ 65,00)

Encontrei por um preço médio de R$ 43,00(*). O preço até que é bom para um produto da categoria, pena que a qualidade deixe a desejar. Ainda prefiro pagar o dobro do preço em um Inoar Argan Oil, que continua sendo o meu favorito.

Por incrível que pareça, o lugar onde há mais ofertas desse produto é no Mercado Livre. Quem quiser dar uma olhada nos anúncios por lá, é só clicar aqui. Lembrando: não conheço nenhum dos vendedores desse ítem e não posso garantir que sejam de confiança.

Recapitulando…

Textura, aplicação e rendimento:
*
Cheiro:
**
Resultados: **
Embalagem: ***
Preço:  ***

Média: 2,2

Avaliação Geral:

E vocês, meninas, já testaram esse produto? Funcionou para vocês?

Beijinhos e até a próxima!

_________________

(*) Preço pesquisado na data desse post. Pode sofrer alterações.

%d blogueiros gostam disto: