Testei: Argila Rosa (Terramater)

Oi, pessoal, tudo bem?

Quem acompanha o blog sabe que eu tenho a pele extrasseca e muito, M-U-I-T-O sensível, principalmente no rosto e que eu estou sempre à procura de produtos que não irritem ainda mais a minha pele. Fico mais empolgada ainda se forem naturais.

Em uma das minhas compras de guloseimas diet/light na Natue, estava eu à procura de alguns produtos para experimentar e dei de cara com um pacotinho de Argila Rosa que, em minhas pesquisas, eu já tinha visto que era muito recomendada para acalmar a pele sensível com tendência à vermelhidão. Obviamente, coloquei a dita cuja no carrinho e hoje vou contar para vocês como foi minha experiência com ela. 🙂

Argila Rosa

Marca: Terramater

Fabricante: (Não se aplica, já que é um produto natural.)

Descrição: máscara de argila orgânica

Conteúdo: 30g e 1kg

O que promete: (Não contém informações na embalagem. Informações abaixo retiradas do site da marca.)

A argila Rosa, da Terramater, é excelente para máscara facial e corporal, pois é rica em sais minerais e é um cicatrizante natural.  Seu efeito é eficaz, pois absorve as toxinas e o excesso de oleosidade, devolvendo a luminosidade natural da pele, dando um toque de maciez.

Além disso, a argila da Terramater é extraída do solo de florestas, margens de rios e lagos, longe da poluição e tem suas propriedades preservadas, uma vez que seca de modo natural (ao sol) e é moída em pilão de madeira e peneirada. É um ótimo esfoliante natural, a argila remove as células mortas e ajuda a eliminar manchas da pele favorecendo recomposição do tecido lesionado. Também possui ação estimulante que favorece a circulação.

A argila da Terramater não tem conservantes, corantes nem componentes de origem animal.  É orgânica e biodegradável e tem pH balanceado parecido com o pH da nossa pele.

Modo de usar:
– Higienizar a pele antes do tratamento.
– Preparar a máscara de argila com conteúdo do sachê + água mineral suficiente para formar uma pasta.
– Aplicar a máscara sobre a pele (recomenda-se 0,5 cm de espessura).
– Deixar agir por 20 minutos.
– Retirar a máscara com auxílio de água fria e uma esponja suave.
– Finalizar com um creme hidratante e/ou filtro solar.

Precauções:
Descontinuar o uso em caso de sensibilização. Manter fora do alcance de crianças.

Composição: Argilla, Kaolin, Mica.

O teste: Preparei e apliquei sobre a pele do rosto e pescoço, conforme indicado na embalagem. Não achei necessário aplicar uma camada de 0,5cm de espessura. Um sachê de 30g foi suficiente para aplicar três vezes em todo o rosto e pescoço.

Avaliação

Textura, Aplicação e Rendimento: 5 (Ótimos)

O pó é fininho e dissolve com imensa facilidade, criando uma pasta homogênea e fácil de aplicar.

Eu apliquei com espátula mas você pode usar os dedos ou um pincel de base líquida (aqueles “chatinhos”, não os redondos ou tipo duo-fiber). No caso do pincel, não use o mesmo que você usa para maquiagem. Tenha um só para aplicação da argila.

Como eu mencionei ali em cima, eu não vi necessidade de aplicar 0,5cm de máscara no rosto. Uma camada que simplesmente cubra totalmente sua pele é mais do que suficiente.

Na embalagem, não diz a quantidade de pó e água a ser usado mas eu não usei o sachê inteiro de uma vez. O sachê com 30g foi usado três vezes até acabar. Ou seja, aproximadamente 10g de argila para aplicar sobre todo o rosto. Assim, o rendimento é ótimo.

Você pode misturar com água mineral ou água termal. Confesso que acho um exagero usar água termal nesse caso. Afinal de contas, é um produto caro. No entanto, se sua pele estiver muito sensível, em crise de rosácea (rush), por exemplo, talvez valha a pena a tentativa, pois a água termal trará benefícios maiores que os da água mineral.

Depois de aplicada e seca, retirar a máscara do rosto é um parto! Infelizmente, não tem muito o que fazer a não ser ter paciência. É argila, ela seca e fica craquelada igual solo ressecado. (Vide foto ao lado, na qual estou parecendo O Coisa dos gibis. Hahahaha!)

Quando você lava com água, ela volta a virar uma pasta e a retirada total é demorada.

Assim que você aplica, ela refresca a pele.

Algumas pessoas dizem que é normal sentir um pouco de ardência. Eu não sei ao certo se isso é normal e eu não senti! Apenas uma sensação bem geladinha e calmante.

Cheiro: 5 (Ótimo)

Como deve ser um produto natural, não tem perfume. O cheiro é apenas o cheiro terroso de argila.

Depois de aplicada e seca, o cheiro desaparece e não tem qualquer fixação. Assim, enxaguou, foi-se o cheiro.

Resultados: 5 (Ótimos)

Assim que eu enxaguei totalmente, notei a pele levemente rosada. Se isso acontecer, não se desespere! A argila ativa a circulação sanguínea sub-cutânea e isso é normal. Em poucos minutos, a pele clareia e é possível conferir os resultados: pele hidratada, tonificada, acalmada e, principalmente, suave, macia e sem sinais de irritação.

Eu simplesmente amei! Comprei mais dela e aproveitei para experimentar argilas de outras cores e marcas. Conforme eu testar contarei para vocês como foi.

Embalagem: 3 (Regular)

O sachê não é prático Uma vez aberto, não há como fechá-lo para usar novamente. No meu eu dobrei a pontinha e prendi com um clips.

Já a embalagem maior, de 1kg, é um saquinho com fecho tipo zip, que permite abrir e fechar a embalagem várias vezes.

Acho que falta também uma indicação de proporção entre água e pó para a mistura, apenas para termos uma ideia.

Preço: 5 (até R$ 15,00)

O preço médio do sachê com 30g é de R$ 10,00*. Pode parecer caro pela pequena quantidade, mas pensem que ela rende três aplicações, se bem dosada. Ou seja, são R$ 3,33 por aplicação de um tratamento 100% natural e que realmente dá resultado. 😉

Facilidade de encontrar: 2 (Um pouco difícil de encontrar)

Não é um produto muito fácil de encontrar mas geralmente está à venda em lojas de produtos naturais.

Se você não conhecer ou se na sua cidade não houver muitas lojas desse ramo, recomendo a Natue, que é uma loja de confiança da qual eu sou cliente há algum tempo e que envia para todo o país pelos Correios.

Segurança da composição: 5 (com Score 0)

(O que é isso?)

Composição: Argilla, Kaolin, Mica.

Score na EWG: 0clique aqui para conferir os níveis de cada um dos componentes.

Legenda indicativa do nível de toxicidade, segundo o Environmental Working Group:

  • Verde: de 1 a 2, risco baixo (classificação no EWG = nota do Blog: 1 = 5 / 2 = 4,5)
  • Laranja: de 3 a 6, risco moderado (classificação no EWG = nota do Blog: 3 = 4 / 4 = 3,5 / 5 = 3 / 6 = 2,5)
  • Vermelho: de 7 a 10, risco alto (classificação no EWG = nota do Blog: 7 = 2 / 8 = 1,5 / 9 = 1 / 10 = 0,5)

Componentes não indicados para pessoas com rosácea e/ou pele sensível:

  • Não há componentes prejudiciais para esses casos.

É algo quase que impossível, gente. O score no EWG é zero! Melhor que isso, não há!

Recapitulando…

Textura, aplicação e rendimento: 5 x 2 = 10
Cheiro: 5 x 2 = 10
Resultados: 5 x 3 = 15
Embalagem: 3 x 0,5 = 1,5
Preço: 5 x 1 = 5
Facilidade de encontrar: 2 x 0,5 = 2
Segurança da composição: 5 x 1 = 5

Média: 3,85

Avaliação Geral: estrela4

Considerações finais:

selo ndm2Acho que ficou na cara que foi para a minha lista de Produtos , não é?

Achei os resultados incríveis e a única coisa que me incomoda realmente é a embalagem.

Quanto à facilidade de encontrar o produto, enquanto a Natue trabalhar com a marca, estarei tranquila. Espero que não deixem a loja tão cedo.

E vocês, já usaram esse produto dessa ou outra marca? Contem para a gente nos comentários!

Beijocas e até o próximo post.

Fabi.


(*) Média de preço pesquisada na data deste post. Pode sofrer alterações.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: