Drops: ReVitay Shampoo Hidratante Erva-Doce e Novex Condicionador Erva-Doce

Oi, tudo bem? 🙂

Na minha GlamBox de Janeiro recebi miniaturas do ReVitay Shampoo Hidratante Erva-Doce e do Novex Condicionador Erva-Doce.

O principal diferencial dos produtos é a indicação para uso durante os dias de TPM (Tensão Pré-Menstrual), dada à fragrância de erva-doce do shampoo e do condicionador. A erva-doce é era terapêutica utilizada há muito tempo para acalmar e relaxar.

Como os produtos são miniaturas, o post é do tipo Drops, com resenhas e informações pertinentes apenas aos quesitos que puderam ser avaliados, ou seja, o quesito embalagem ficou de fora da avaliação final.

Para saber mais sobre o produto, é só continuar a leitura deste post. 🙂

ReVitay Shampoo Hidratante Erva-Doce

Marca: Embelleze

Fabricante: Phitoteraphia Biofitogenia Laboratorial Biota Ltda.

Descrição: shampoo hidratante

Conteúdo: 300ml

O que promete:
A Erva-Doce é usada há séculos na medicina e na culinária, como remédio para uma vida melhor ou como tempero para uma comida mais gostosa. Afinal, nada melhor do que um momento relaxante com um chazinho quente. ReVitay quer levar esse ritual para os seus cabelos.

Não deixe seus cabelos caírem na rotina. Mude. Ouse, Inove. Surpreenda-se. Troque. Destroque. Dê aos seus cabelos o prazer de mudar. Shampoo é ReVitay.

Ritual Especial para Aqueles Dias:
1. Feche os olhos e deixa a água fluir livremente sobre os fios.

2. Coloque uma boa quantidade de ReVitay Erva-Doce nas mãos e massgeie prazerosamente o couro cabeludo e os fios. Deixe a água fluir e retira o shampoo.

3. Curta ao máximo este momento, ele é todo seu. Use um pouco mais de ReVitay de Erva-Doce.

4. Enxágue bem, retirando o shampoo. Agora sinta-se preparada para se aventurar pela vida.

Precauções:
Evitar a exposição da embalagem a raios solares e calor intenso. Mantenha fora do alcance das crianças. Para uso externo – não ingerir. Evitar contato com os olhos. Em caso de contato com os olhos, enxaguar imediata e abundantemente com água e procurar um médico. Havendo irritação, suspenda o uso e procure orientação médica. Após o uso do produto mantenha a embalagem fechada.

Composição: Aqua, Sodium Laureth Sulfate, Cocamidopropyl Betaine, PEG-14M, Glycol Distearate, Cetyl Alcohol, Guar Hydroxypropyltrimonium Chloride, Parfum, Hexyl Cinnamal, Linalool, Polyquaternium-7, Vitex Agnus Castus Extract, Cocamide DEA, Methylparaben, Pimpinella Ansium Fruit Extract, Propylparaben, Lactic Acid, BHT, DMDM Hydantoin, Methylisothiazolinone, Methylchloroisothiazolinone.

O teste: Apliquei normalmente nos cabelos como qualquer shampoo e como indicado na embalagem.

Avaliação

Textura, aplicação e rendimento: 5 (Ótimos)

Apesar da textura quase gel, meio translúcido, é um shampoo muito cremoso, que faz bastante espuma e rende muito bem.

A aplicação é uma delícia, limpa com suavidade, refresca, não embaraça os fios e “derrete” nos cabelos, deixando uma sensação incrível de hidratação.

Cheiro: 4 (Bom)

O perfume é parecido com os de outros produtos de erva-doce que a maior parte de nós já conhece (Avon e Natura têm seus produtos de erva-doce em linha).

Se você não for fã da fragrância, fuja! Ele fixa por vários dias e acaba realmente funcionando como aromaterapia para os dias de tpm (tensão pré-menstrual).

Resultados: 4 (Bons)

Ele limpa muito bem os fios, sem agredi-los. É suave, deixa os cabelos hidratados, muito macios, com volume e frizz reduzidos. Para mim não fez muita diferença no brilho dos fios e na luminosidade da cor mas, no geral, trouxe bons resultados.

Embalagem: (Este quesito não será avaliado pois o produto testado é uma miniatura).

Preço: 5 (menos de R$ 15,00)

O preço médio da embalagem com 300ml é de R$ 11,40*.

Facilidade de encontrar: 3 (Relativamente fácil de encontrar)

Os produtos da Embelleze podem ser mais facilmente encontrados em perfumarias e lojas especializadas em produtos para salões de beleza, como a Ikesaki, em São Paulo.

Algumas farmácias e lojas virtuais também comercializam a marca.

Para pesquisar preços online, clique aqui.

Segurança da composição: 2 (Um pouco arriscado)

Componentes sintéticos a evitar segundo Aubrey Hampton (bioquímico norte-americano):

  • Sodium Laureth Sulfate: Um detergente agressivo e barato utilizado pelas suas propriedades de limpeza e de produção de espuma. Normalmente derivado de petróleo, é frequentemente dissimulado com a frase “derivado de coco”. Causa irritação nos olhos, descamação do couro cabeludo (similar à caspa), irritações cutâneas e outras reações alérgicas.
  • PEG-14M: Idealmente é uma glicerina vegetal combinada com álcool de cereais, sendo ambos naturais. Porém, atualmente não passa de uma combinação de petroquímicos sintéticos utilizados como humidificantes. É conhecido como causador de reações alérgicas, urticária e eczemas. Quando vir PEG (polietileno glicol) ou PPG (polipropileno glicol) num rótulo, tenha cuidado, pois são produtos químicos sintéticos idênticos.
  • Parfum: As fragrâncias sintéticas utilizadas em produtos cosméticos podem ter cerca de 200 ingredientes. Não existe forma de saber quais são os produtos químicos que as compõem, porque nos rótulos só vêm descritas como “fragrâncias” ou “perfume”. Entre os problemas provocados por estes químicos estão dores de cabeça, tonturas, irritações, hiperpigmentação, tosse forte, vômitos, irritação cutânea – e a lista continua.
  • Cocamide DEA: Utilizados habitualmente nos cosméticos como emulsionantes e/ou agentes produtores de espuma. Podem causar reações alérgicas, irritações nos olhos e desidratação do cabelo e pele. DEA e TEA são “aminas” (compostos a partir da amônia) e podem formar nitrosaminas causadoras de câncer quando em contacto com nitratos. São tóxicos se absorvidos pelo corpo prolongadamente.
  • Methylparaben, Propylparaben: Utilizados para inibir o crescimento microbiano e para prolongar a durabilidade dos produtos. Têm causado vários tipos de reacções alérgicas e irritações cutâneas. Estudos demonstraram que são ligeiramente estrogênicos e podem ser absorvidos pelo corpo através da pele. São largamente utilizados apesar de serem conhecidos como tóxicos.

Componentes prejudiciais segundo o Environmental Working Group:

  • Sodium Laureth Sulfate: Um detergente agressivo e barato utilizado pelas suas propriedades de limpeza e de produção de espuma. Normalmente derivado de petróleo, é frequentemente dissimulado com a frase “derivado de coco”. Causa irritação nos olhos, descamação do couro cabeludo (similar à caspa), irritações cutâneas e outras reações alérgicas.
  • Cocamidopropyl Betaine: Sujeito a restrições no uso. Conhecido tóxico do sistema imunitário. Pode conter impurezas prejudiciais, nomeadamente Nitrosaminas, ligadas ao câncer. Pode também causar sensibilidade no contato direto com a pele, com reações alérgicas tanto na pele quanto nos pulmões.
  • PEG-14M: Componente irritante para a pele (comichão, queimadura, urticária, acne, alergias). É um solvente de fácil absorção, altera a estrutura da pele, permitindo que outros agentes e químicos penetrem mais profundamente, aumentando assim a quantidade que chega à corrente sanguínea.
  • Cocamide DEA: Alkyloamides – geralmente identificados nos rótulos como: Diethanolamine (DEA); Monoethanolamine (MEA); Triethanolamine (TEA), e por vezes precedido pelo nome “cocamide”: São classificados como tóxicos por alguns governos. Podem causar irritação na pele (comichão, queimadura, urticária etc). Combinados com conservantes que contém formaldeído, tornam-se cancerígenos. Quando misturado com agentes nitrosantes na pele ou no corpo, após a absorção, podem formar compostos cancerígenos. São perigosos para o meio ambiente, contaminando água, solo e ar). O MEA é ainda sensibilizador dos pulmões, podendo instigar respostas do sistema imunitário, que incluem ataques de asmas ou outros problemas pulmonares das vias respiratórias, além de ser suspeito de apresentar riscos para a reprodução humana e desenvolvimento do feto. O TEA também é um componente suspeito, com evidências ainda limitadas relacionadas ao desenvolvimento de câncer.
  • Methylparaben, Propylparaben: Para além de suspeitas de irritabilidade da pele, o uso de parabenos foi recentemente ligado ao câncer de mama, tendo sido encontrados vestígios desses conservantes em amostras de tumores.

Componentes não indicados para pessoas com rosácea e/ou pele sensível:

  • Sodium Laureth Sulfate.
  • Parfum: perfume.
  • Methylparaben, Propylparaben: parabenos.
  • Lactic Acid: ácido lático.

Recapitulando…

Textura, aplicação e rendimento: 5 x 2 = 10
Cheiro: 4 x 2 = 8
Resultados: 4 x 3 = 12
Embalagem: quesito não avaliado
Preço: 5 x 1 = 5
Facilidade de encontrar: 3 x 0,5 = 1,5
Segurança da composição: 2 x 1 = 2

Novex Condicionador Erva-Doce

Marca: Embelleze

Fabricante: Phitoteraphia Biofitogenia Laboratorial Biota Ltda.

Descrição: tratamento condicionante ultraprofundo

Conteúdo: 300ml

O que promete:
Conheça o Novex Tratamento Condicionando Ultraprofundo e dê aos seus cabelos o verdadeiro tratamento que eles merecem. Novex Tratamento Condicionante Ultraprofundo foi criado para você ter o melhor tratamento condicionante do Brasil ao seu lado todos os dias. Sua fórmula atua penetrando profundamente na fibra capilar, resultando em cabelos super macios, tratados e com brilho. Prepare-se para receber elogios de quem você ama.

Ritual Especial para “Aqueles Dias”:
1. Feche os olhos e deixe a água fluir livremente sobre os fios.

2. Coloque uma  boa quantidade de Novex Tratamento Condicionante nas mãos e massageie prazerosamente o couro cabeludo e os fios.

3. Curta ao máximo este momento, ele é todo seu. Use um pouco mais do seu Novex Tratamento Condicionante.

4. Enxágue bem, retirando o produto. Agora sinta-se preparada para se aventurar pela vida.

Precauções:
Evitar a exposição da embalagem a raios solares e calor intenso. Mantenha fora do alcance das crianças. Para uso externo – não ingerir. Evitar contato com os olhos. Em caso de contato com os olhos, enxaguar imediata e abundantemente com água e procurar um médico. Havendo irritação, suspenda o uso e procure orientação médica. Após o uso do produto mantenha a embalagem fechada.

Composição: Aqua, Cetearyl Alcohol, Petrolatum, Zea Mays Starch, Cetrimonium Chloride, Parfum, Hexyl Cinnamal, Linalool, Hydroxyethyl Urea, Methylparaben, Pimpinella Anisum Fruit Extract, Propylparaben, Butylene Glycol, Lactic Acid, Rhodiola Rosea Root Extract, Rosa Gentifolia Flower Extract, Rosa Gallica Flower Extract, Benzyl Alcohol, Potassium Sorbate, Tocopheryl Acetate, Methylisothiaxolinone, Methylchloroisothiazolinone.

O teste: Apliquei conforme indicado na embalagem, após o uso do ReVitay Shampoo Hidratante Erva-Doce.

Avaliação

Textura, aplicação e rendimento: 5 (Ótimos)

De textura leve e cremosa, espalha com facilidade sobre os fios e rende bastante.

Não é preciso muito produto para hidratar e deixar os cabelos macios e sedosos.

Cheiro: 4 (Bom)

O perfume é ligeiramente diferente do perfume do shampoo, mas ainda é o “velho conhecido” perfume de erva-doce. A fixação do perfume do condicionador reforça a do shampoo. Por isso, se você não suporta o cheiro de erva-doce, corra!

Resultados: 3 (Regulares)

Eu testei o shampoo sem o uso do condicionador e depois dos cabelos secos o resultado foi exatamente o mesmo nos meus cabelos.

Não significa que o condicionador seja ruim mas na verdade não me acrescentou qualquer resultado extra além dos já conseguidos com o uso apenas do shampoo.

Embalagem: (Este quesito não será avaliado pois o produto testado é uma miniatura).

Preço: 5 (menos de R$ 15,00)

O preço médio da embalagem com 300ml é de R$ 11,40*.

Facilidade de encontrar: 3 (Relativamente fácil de encontrar)

Os produtos da Embelleze podem ser mais facilmente encontrados em perfumarias e lojas especializadas em produtos para salões de beleza, como a Ikesaki, em São Paulo.

Algumas farmácias e lojas virtuais também comercializam a marca.

Para pesquisar preços online, clique aqui.

Segurança da composição: 3 (Requer atenção)

Componentes sintéticos a evitar segundo Aubrey Hampton (bioquímico norte-americano):

  • Petrolatum: Também conhecido como geléia de petróleo, esse óleo mineral derivado é utilizado nos cosméticos pelas suas propriedades emolientes. Não tem qualquer valor nutritivo para a pele e pode interferir com os mecanismos naturais de hidratação do corpo, levando a pele à desidratação e ao aparecimento de rachaduras. Habitualmente origina as situações que promete alivira. Os fabricantes usam o componente porque é incrivelmente barato.
  • Parfum: As fragrâncias sintéticas utilizadas em produtos cosméticos podem ter cerca de 200 ingredientes. Não existe forma de saber quais são os produtos químicos que as compõem, porque nos rótulos só vêm descritas como “fragrâncias” ou “perfume”. Entre os problemas provocados por estes químicos estão dores de cabeça, tonturas, irritações, hiperpigmentação, tosse forte, vômitos, irritação cutânea – e a lista continua.
  • Methylparaben, Propylparaben: Utilizados para inibir o crescimento microbiano e para prolongar a durabilidade dos produtos. Têm causado vários tipos de reacções alérgicas e irritações cutâneas. Estudos demonstraram que são ligeiramente estrogênicos e podem ser absorvidos pelo corpo através da pele. São largamente utilizados apesar de serem conhecidos como tóxicos.

Componentes prejudiciais segundo o Environmental Working Group:

  • Petrolatum: Derivado de petróleo. Esses derivados de petróleo criam uma barreira na superfície da pele que bloqueia os poros, não deixando a pele respirar. Aceleram o processo de envelhecimento da pele ao encorajar a geração de radicais livres. Na União Europeia o uso de Petrolatum é bastante restrito – potencialmente contaminado com químicos ligados ao câncer ou outros problemas graves de saúde (pode conter determinadas impurezas que podem causar câncer de mama). São tóxicos para o ambiente.
  • Parfum: Dezenove por cento das crianças com eczema são sensíveis a fragrâncias. Vários outros estudos indicam que os constantes aumentos anuais no número de dermatites está ligado ao aumento do uso de fragrâncias químicas.
    Nota: Phthalates são alérgenos encontrados em certas fragrâncias químicas e esmaltes para unhas – o uso de alguns está restringido a certas quantidades na União Europeia.
  • Methylparaben, Propylparaben: Para além de suspeitas de irritabilidade da pele, o uso de parabenos foi recentemente ligado ao câncer de mama, tendo sido encontrados vestígios desses conservantes em amostras de tumores.

Componentes não indicados para pessoas com rosácea e/ou pele sensível:

  • Methylparaben, Propylparaben: parabenos.
  • Lactic Acid: ácido lático.

Recapitulando…

Textura, aplicação e rendimento: 5 x 2 = 10
Cheiro: 4 x 2 = 8
Resultados: 3 x 3 = 9
Embalagem: quesito não avaliado
Preço: 5 x 1 = 5
Facilidade de encontrar: 3 x 0,5 = 1,5
Segurança da composição: 3 x 1 = 3

Avaliação Geral: estrela4

Considerações finais:

No geral, é um ótimo produto, contanto que você goste do perfume de erva-doce e não seja uma pessoa com pele sensível.

Os produtos são muito baratos, com texturas deliciosas e resultados muito bons, mas infelizmente contém alguns componentes complicados, incluindo parabenos (no shampoo e no condicionador) e Sodium Laureth Sulfate (no shampoo).

Ainda tem o plus de funcionar como aromaterapia para os dias de TPM (tensão pré-menstrual) ou qualquer outro dia em que você precise relaxaaar durante um banho gostoso. Só não dá para se empolgar e seguir o ritual indicado nas embalagens, visto que andamos com escassez de água em São Paulo e em outras regiões do país. 😉

E vocês, já usaram esses produtos? Contem nos comentários o que acharam deles.

Beijocas e até o próximo post.

__________

(*) Médias de preços pesquisadas na data deste post. Podem sofrer alterações.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: