Cuidados Faciais Diários

Oi, tudo bem?

Hoje é o dia de retorno aqui no blog, depois de ter passado por uns meses me dedicando a outros projetos e descansando um pouquinho.

Decidi recomeçar pagando uma “dívida” que eu tenho com alguns leitores, sobre os produtos que eu uso para o cuidado facial diário.

Desde os posts sobre meu diagnóstico de dermatite perioral e sobre o que as pessoas com dermatite, rosácea e pele sensível devem evitar, recebo inúmeras vezes perguntas com “O que você usa no rosto para ‘isso’?”, “O que você uso no rosto para ‘aquilo’?”…

Quero deixar claro que não é um post com resenha desses produtos. Há os que eu já resenhei em algum momento e outros que eu ainda pretendo escrever, mas hoje é apenas para tirar as dúvidas que vêm surgindo por parte dos leitores e leitoras.

Além disso, o que eu estou colocando aqui são os produtos que deram certo no meu caso. Não significa que vão funcionar para todo mundo nem que são os únicos que podem ser usados por quem tem ou já teve dermatite, tem rosácea ou pele sensível. Eu experimentei muitos produtos desde que comecei a ter problemas com a minha pele do rosto e hoje me agarro com unhas e dentes aos poucos que não brigam com a minha pele.

Limpeza facial

Sabonete líquido facial formulado por dermatologista com:

  • Sulfacetamida Sódica – 2%
  • Enxofre – 1%
  • Sabonete líquido perolado – 100g

Com a receita em mãos, é só mandar fazer em um laboratório de manipulação.

Não uso nenhum outro tipo de sabonete no rosto. Tentei Cetaphil e Normaderm, por indicação de um médico dermatologista, mas minha pele não tolerou nenhum dos dois produtos e mesmo o Epidrat Sensi, da Mantecorp, que eu já usava antes do problema, não posso mais usar.

Esfoliação facial

Eu já mencionei várias vezes que quem tem pele sensível deve evitar esfoliação, principalmente intensiva. Porém, vez ou outra, precisamos esfoliar a pele levemente para limpar melhor os poros e evitar mais irritação.

Eu experimentei vários produtos depois do problema com a minha pele, mas gostei bastante de apenas dois até hoje:

  • Dermotivin Scrub Sabonete Cremoso Esfoliante, da Galderma. Clique aqui para fazer uma pesquisa de preços em lojas virtuais.
  • Facial Mask Exfoliating, da Exsicata. Já escrevi uma resenha aqui.

O Dermotivin Scrub é mais eficaz nas áreas em que eu tenho cravos (nariz, o comecinho da testa, entre as sobrancelhas, e o queixo). Já o Facial Mask Exfoliating é maravilhoso para o rosto todo pois além de esfoliar, hidrata, sem agredir e sem irritar.

Tonificação da pele

Tônico facial nem pensar! Quem tem pele sensível ou qualquer problema que sensibilize a pele não deve usar tônicos.

Proteção solar

Eu usei duas fórmulas diferentes desenvolvidas pela minha ex-dermatologista e atualmente uso um produto industrializado.

A primeira fórmula era o seguinte:

  • FPS 30
  • Fatores de crescimento 5%
  • Aquaporine active 5%
  • Gel anidro – 30g
  • sem essência

A segunda fórmula:

  • FPS 30
  • Ceramidas III 0,5%
  • Vitamina E 1%
  • Emulsão seda – 40g
  • sem essência

Eu gostava muito mais da primeira fórmula. A segunda não era absorvida tão rápido pela minha pele e, quando eu usava maquiagem, o protetor solar ficava esfarelando embaixo da base e era muito irritante.

Como a minha então dermatologista não trabalha mais na área médica e é preciso receita para enviar à farmácia de manipulação, eu acabei testando um produto industrializado e me adaptei muito bem a ele.

  • Sun Fluid Mattifying Facial FPS 60, da Eucerin. Clique aqui para pesquisar preços em lojas virtuais.

Embora ele seja matificante, indicado para peles oleosas, ele funciona muito bem na minha pele seca, sem ressecá-la ainda mais. Não irrita a pele e não fica esfarelando embaixo da maquiagem.

Hidratação facial

Eu comecei usando um produto formulado logo depois da dermatite, que tinha a seguinte fórmula:

  • Ceramida III 0,5
  • Avenolat 3%
  • Vitamina C 5%
  • Loção seda – 30ml

Eu gostava muito da textura dessa fórmula, mas minha pele nunca se deu muito bem com vitamina C aplicada diretamente. Assim, quando acabou a primeira bisnaga, eu questionei a dermatologista e ela disse que eu poderia usar outros hidratantes faciais específicos para pele sensível.

Os que eu gosto e acabo intercalando o uso são:

  • Epidrat Rosto FPS 15 ou FPS30, da Mantecorp. Já usava esse hidratante bem antes da dermatite e falei dele aqui. Para pesquisar preços em lojas virtuais, clique aqui.
  • Toleriane Soin Protecteur Apaisant, da La Roche-Posay.
  • Redukine AD, da Ada Tina. Tem resenha do produto aqui. Para pesquisar preços, clique aqui.
  • Calmance, da Roc.

Eu não tenho um preferido. Gosto de todos eles. O Calmance da Roc, porém, eu não consigo mais encontrar em lugar algum. O Toleriane também anda sumido do mercado brasileiro, só tenho visto o demaquilante.

Eu uso hidratante apenas à noite, e basicamente eu distribuo o uso das opções acima da seguinte forma:

  • Epidrat Rosto para quando vou usar maquiagem.
  • Toleriane à noite, antes de dormir, quando a pele está calma.
  • Calmance ou Redukine AD nos dias em que a pele está irritada ou ameaçando se “rebelar” (risos).

Cremes anti-idade

Bem… aqui a coisa complica. Até hoje não consegui me adaptar com nenhum creme anti-sinais que já experimentei. Mesmo os de marcas famosas, conhecidas mundialmente por fabricarem produtos hipoalergênicos, como a Avéne, causam irritação, coceira e minha pele fica extremamente vermelha.

Essa é uma particularidade da minha pele. Se você tem pele sensível, pode ser que consiga se adaptar a algum produto, possivelmente até seja o mesmo que algum dos que eu já usei. Porém, nas minhas experiências, nenhum funcionou.

Maquiagem e Demaquilante

É preciso deixar claro uma coisa: eu não uso maquiagem diariamente, no máximo duas vezes por semana e, portanto, minha pele fica pouco tempo em contato com produtos de maquiagem, o que diminui a probabilidade de irritações causadas por esses cosméticos.

Se você precisa usar maquiagem diariamente, dê preferência à produtos minerais. São mais caros, mas a probabilidade de irritação é infinitamente menor.

Se não for possível, leia a formulação e não utilize caso tenha algum dos componentes mencionados neste post.

Como eu disse, já que não uso diariamente, o que eu faço é evitar os componentes que podem causar irritação e, quando sei que vou precisar ficar muitas horas maquiada, uso produtos minerais. Uma boa dica, nacional, com um preço mais acessível que as opções importadas, é a Base Mineral Make B. d’O Boticário.

Para demaquilar o rosto eu uso, com tranquilidade:

  • Solutions Clean Creme Removedor de Maquiagem, da Avon. Tem resenha aqui.
  • Make Up Remover Loção para Remover Maquiagem dos Olhos, da Avon.
  • Toleriane Dermo-Nettoyant, da La Roche-Posay. Clique aqui para pesquisar preços em lojas virtuais.

Gosto dos três igualmente, mas o com o preço mais em conta é o Make Up Remover da Avon que, apesar de ser um demaquilante específico para a área dos olhos, eu uso no rosto inteiro há muito tempo e nunca tive qualquer tipo de problema com ele.

Observação: eu sempre uso o demaquilante e depois de ter removido totalmente a maquiagem, lavo o rosto com o meu sabonete líquido formulado. Minha pele não “aceita” muito bem apenas o enxágue com água. Alguns demaquilantes ainda indicam que não é necessário enxaguar e isso também não funciona no meu rosto. Prefiro sempre demaquilar e lavar em seguida, removendo todos os resíduos, tanto da maquiagem quanto do demaquilante.

Outros produtos que podem ajudar

Cicaplast, da La Roche-Posay.

Pode ser muito útil para a recuperação da pele com dermatite recém-tratada, quando ela fica mais fina, avermelhada, ressecada e repuxando. A função do produto é acelerar o processo de recuperação e cicatrização da pele e é indicado para ser usado após procedimentos cirúrgicos ou dermatológicos, como o peeling

Existe também a versão mais recente, chamada Cicaplast Baume B5. Porém, essa versão contém panthenol, componente que tornou-se proibido para mim depois do problema, mas que tem ótimos resultados para muitas pessoas. 

Clique aqui para pesquisar preços em lojas virtuais.

Azelan Gel 150mg/g (ácido azeláico), da Bayer. É um produto excelente, com preço acessível e que pode ser encontrado na maioria das farmácias. Apesar de ser vendido sem receituário médico, é importante consultar um médico dermatologista para que ele possa lhe dizer se o produto pode ser usado na sua pele. É um medicamento relativamente novo, que vem sendo utilizado para tratamento tópico de dermatite, rosácea, acne e até mesmo para pequenas linhas de expressão, já que causa uma leve descamação da pele. 

Clique aqui para pesquisar preços em lojas virtuais.

Água Termal, da Vichy. Existem de outras marcas, como Avene e La Roche Posay. A da Vichy foi a primeira que eu comprei, gostei dela e não experimentei nenhuma outra, mas todas elas têm efeito calmante e hidratante. Se deixadas na geladeira (não pode ser no freezer), funcionam ainda melhor, pois a temperatura baixa acalma a pele. Uso sempre que a pele está irritada, geralmente à noite, após lavar o rosto. Uso o spray no rosto todo e deixo secar naturalmente, dispensando o uso do hidratante. Na manhã seguinte, a pele fica calma e suavizada.

Não é um produto barato, mas dura bastante e vale cada centavo. A média de preço do produto da marca Vichy é de R$ 40,00* a embalagem com 150ml. Mas as fabricantes geralmente fazem em dois tamanhos. Então é possível comprar uma embalagem menor, mais em conta, para experimentar, antes de investir na embalagem maior.

Clique aqui para pesquisar preços de águas termais em lojas virtuais.

É isso, pessoal. São os únicos produtos para o rosto que eu utilizo atualmente sem ter problemas ou reações indesejadas.

Para hidratação dos lábios, eu uso vários produtos, contanto que eles não tenham os componentes citados aqui.

Espero que este conteúdo ajude um pouco mais quem sofre com pele sensível. 🙂

Beijocas e até o próximo post.

_______________

(*) Preço médio pesquisado na data deste post. Pode sofrer alterações.

12 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Tatiana
    maio 05, 2014 @ 11:39:31

    Obrigada,Fabi!!! Essas informações são importantissimas para nós!! Beijos

    Responder

  2. Juliana Morgensten (@hidratarvicia)
    maio 05, 2014 @ 12:52:15

    Aeeeeee! Voltooooou! \o/

    Adoreeeei o post. Já peguei várias dicas. 😉

    Beijos!

    http://hidratarvicia.com

    Responder

  3. Patrícia
    maio 05, 2014 @ 19:04:13

    Feliz retorno,sentimos sua falta.

    Responder

  4. Thiely
    maio 28, 2014 @ 08:53:38

    Muito obrigada Fabi oela generosidade de compartilhar conosco suas conquistas. Vou sempree estar por aqui para compartilharmos experiencias. Beijão e obrigada. E que Deus abençoe a todas nós que sofremos que este problema.

    Responder

    • Necessaire de Mulher
      maio 29, 2014 @ 12:20:26

      Imagina, Thiely… Eu não sou médica nem sei absolutamente tudo, mas eu tento ajudar como posso. Também não significa que o que dá certo para mim vá funcionar da mesma forma para todos, assim como tem pessoas com o problema que usam Bepantol ou Cicaplast Baume B5 numa boa e eu não posso.
      Mas acho que com algumas dicas fica um pouco mais fácil.

      Beijocas!
      Fabi.

      Responder

  5. Nagela Gomes
    dez 16, 2015 @ 10:10:43

    Bom dia
    Adoro todos os seus posts, vc me salvou em todas as duvidas que eu tinha sobre a minha recente descoberta que eu tenho dermatite perioral, é um tormento…
    No momento ando meio desesperada, pois estou num tratamento com clindoxyl gel ( Gel de clindamicina + peróxido de benzoíla), e minha pele ta bem ressecada e descamando muito, queria saber de vc se durante esse tratamento eu posso usar o cicaplast para diminuir esse ressecamento e descamação ou apenas após o tratamento???
    obrigada
    beijoss

    Responder

    • Necessaire de Mulher
      dez 16, 2015 @ 13:17:15

      Oi, Nagela, tudo bem?
      Primeiro, fico feliz em ter ajudado. 🙂
      Vamos à questão do Cicaplast. Há muitos anos, quando eu conheci o Cicaplast, ele era apenas Cicaplast, não Cicaplast Baume e eu podia usá-lo normalmente. Atualmente, o Cicaplast convencional não é mais comercializado no Brasil, apenas o Baume, que tem pantenol na fórmula. O pantenol, por sua vez e pelo que eu pude perceber com o contato com todos os que passaram por este post ou que fazem parte do grupo de Dermatite criado no Facebook, às vezes é um problema. Muitas das pessoas que tiveram um quadro de dermatite (eu inclusive) tornaram-se intolerantes ao pantenol e, consequentemente, ao Cicaplast. Teoricamente você pode usar qualquer tipo de hidratante (desde que seja para pele sensível, claro), sempre alguns minutos após a aplicação do gel de clindamicina e benzoíla. No entanto, você tem que ficar atenta em relação ao Cicaplast e ver se você também não desenvolveu essa intolerância, o que pode agravar o caso de DP.
      De qualquer forma, consulte sempre o seu dermatologista. Ele pode inclusive te prescrever um hidratante mais adequado.
      Beijocas.
      Fabi.

      Responder

  6. Nagela Gomes
    dez 16, 2015 @ 15:17:51

    Boa tarde Fabi 🙂
    Primeiramente muitíssimo obrigada pela resposta e pela atenção!
    Me esclareceu bastante, o problema é que só consigo uma consulta com meu dermato na segunda-feira e não queria ter q esperar até lá, pelo fato de meu rosto ta bem ressecado e descascando, to bem estressada e dá vontade até de chorar, é chato até de trabalhar e todo mundo ficar te olhando!
    Mas enfim, muito obrigada pelos esclarecimentos, seus posts e resenhas sobre os produtos são maravilhosos, virei sua fã, continuarei te acompanhando aqui!
    beijoss

    Responder

    • Necessaire de Mulher
      dez 16, 2015 @ 16:24:01

      Oi, Nagela! 🙂 Imagine… eu procuro responder sempre os comentários. Às vezes demora um pouquinho por conta dos outros afazeres mas respondo. Entendo o seu desespero, acredite. O que você está usando para lavar o rosto? Se não estiver usando nada específico, procure por sabonetes hidratantes, como o Fisiogel. Ele vai balancear um pouco o ressecamento causado pelo gel de tratamento. A minha pele passou de mista para seca para sempre. Quero dizer… era mista, e depois da dermatite e dos tratamento, me livrei da dermatite mas minha pele ficou seca e sensível. Então eu tenho que me virar nos 30 para mantê-la hidratada e não ficar descamando eternamente (risos).
      Tente usar o Cicaplast num pedacinho do seu rosto e veja como reage. Se não notar vermelhidão ou não sentir coceira, não terá problema. Lembre-se apenas de que você deve passar o gel de tratamento primeiro, esperar uns minutos para a pele absorver e só depois passar o Cicaplast, se não, um anula o efeito do outro e não resolve.
      E, de novo, de qualquer forma, pergunte pro dermato assim que puder. 😉
      Muito obrigada pelo carinho e fico feliz em saber que estará por aqui.
      Qualquer coisa, ‘grita’! 😉
      Beijocas!
      Fabi.

      Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: